Brasil

Bolsonaro ou Lula? Quem são as celebridades que apoiam os presidenciáveis

Apoio de influenciadores ganha peso em tempos em que as redes sociais são um dos principais meios de engajamento de eleitores

Famosos declaram votos nos principais concorrentes da disputa presidencial
19 de Julho, 2022 | 04:24 pm
Tempo de leitura: 2 minutos

Bloomberg Línea — A notícia de que a cantora e ícone pop Anitta decidiu apoiar a candidatura do ex-presidente Lula (PT) nas eleições presidenciais de outubro repercutiu não só na internet como também no meio político e na imprensa internacional.

O jornal americano The Washington Post repercutiu e contextualizou a decisão da cantora, que veio seguida de sua declaração de repúdio ao ataque a Marcelo Arruda, tesoureiro do PT morto a tiros por um apoiador do presidente Jair Bolsonaro (PL) em Foz do Iguaçu no último dia 10. A reportagem diz que “muitos dos seus jovens fãs expressaram uma opinião semelhante a ela nas mídias sociais”.

Por outro lado, a soma dos seguidores das principais celebridades que apoiam o presidente Jair Bolsonaro ultrapassa 180 milhões somente no Instagram - número similar dos que apoiam o ex-presidente Lula. Um exemplo é o ex-jogador da seleção brasileira Ronaldinho Gaúcho, que possui 67,4 milhões de seguidores e apoia publicamente Bolsonaro desde 2018, quando foi eleito. Em 2019 ele chegou a visitá-lo no Planalto e foi nomeado embaixador do turismo pelo presidente.

Na quarta-feira (13), Anitta fez nova publicação de apoio ao candidato do PT em seu Twitter, junto com a divulgação do lançamento de seu mais recente trabalho.

PUBLICIDADE

Em pouco mais de uma hora, a postagem acumulou mais de 100 mil curtidas. A cantora possui mais de 134 milhões de seguidores em todas as suas redes sociais.

O perfil oficial do ex-presidente no Twitter respondeu prontamente à primeira declaração de apoio de Anitta ao candidato petista, fazendo um trocadilho com o nome de uma das músicas da cantora.

Além de Anitta e de Ronaldinho Gaúcho, muitos artistas têm se posicionado publicamente sobre seus apoios aos candidatos líderes nas pesquisas de intenção de voto. Para o cientista político e professor da Fundação Getulio Vargas (FGV) Guilherme Casarões, mobilizar celebridades não é exatamente uma novidade na política nacional, mas o contexto atual é diferente.

A mudança, segundo Casarões, se deve ao fato de que o fenômeno dos influenciadores digitais é algo relativamente novo e que se projeta dentro de nichos ou segmentos específicos. “Para o político, o apoio de influenciadores pode ser decisivo, dependendo da estratégia de campanha e do público que se queira atingir”, diz.

PUBLICIDADE

É preciso levar em conta também o quadro de radicalização política, algo que pode “mudar o cálculo” do custo-benefício do apoio das celebridades aos políticos.

“A adesão a um polo da disputa entre Lula e Bolsonaro, por exemplo, pode levar a consequências críticas para a carreira profissional de uma personalidade, seja pelo cancelamento, seja pela perda de contratos ou oportunidades.”

Confira abaixo, por ordem alfabética, 10 personalidades que já declararam abertamente apoio a cada um dos dois candidatos líderes nas pesquisas de intenção de voto, seja por meio da internet, da imprensa ou em eventos políticos.

(Corrige a tabela às 20h27)

Leia também:

Banqueiros entram divididos na eleição presidencial de outubro

Kapitalo vende inflação e vê Petrobras atrativa antes da eleição

Melina Flynn

Melina Flynn

Melina Flynn é jornalista naturalizada brasileira, estudou Artes Cênicas e Comunicação Social, e passou por veículos como G1, RBS TV e TC, plataforma de inteligência de mercado, onde se especializou em política e economia, e hoje coordena a operação multimídia da Bloomberg Linea no Brasil.

PUBLICIDADE