PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Estilo de vida

Uruguai é eleito um dos melhores países para aposentados do mundo

Outros cinco países da América Latina figuram em ranking americano que seleciona as melhores nações para a aposentadoria

Tempo de leitura: 2 minutos

Buenos Aires — A aposentadoria costuma ser uma das principais preocupações dos trabalhadores, e para quem analisa a possibilidade de viver esse momento no exterior, a revista americana especializada em turismo, International Living, escolheu o Uruguai como um dos melhores países para isso.

“O Uruguai é um país pequeno, com uma população pequena (3,5 milhões)... Seu interior é de pastagens nativas usadas para pecuária e agricultura. Seu porto natural, a Baía de Montevidéu, é um movimentado porto de contêineres. E sua costa sul, com vista para o Río de la Plata e o Oceano Atlântico, é pontilhada de cidades litorâneas populares entre os veranistas”, descreve a análise.

PUBLICIDADE

A seleção faz parte do ranking anual da revista de melhores países para aposentados do mundo e, na edição de 2022, inclui Espanha, Malta, França, Equador, Colômbia, Portugal, México, Costa Rica e Panamá nas primeiras posições.

Veja mais: Mansões em Vancouver: mercado mais quente do Canadá tem alta de 240%

O índice se baseia em depoimentos de americanos que tomaram a decisão de desfrutar da aposentadoria fora de seus países de origem, contabilizando experiências de moradia, visto, entretenimento, saúde e custo de vida.

PUBLICIDADE

O Uruguai recebeu uma pontuação de 74,6, de 100, com destaque para as categorias de qualidade de vida, governo e custo de vida.

Segundo depoimentos colhidos pela revista, os aposentados no Uruguai desfrutam de quatro estações bem definidas ao longo do ano, além de educação quase gratuita nas universidades estaduais do país.

Uma das opiniões destacadas pela publicação é de um aposentado americano, que elogia o serviço público uruguaio. “Suas empresas de serviço público estão entre as melhores da América Latina tanto em qualidade quanto em abrangência”, descreve a revista.

PUBLICIDADE

Visto para brasileiros no Uruguai

Os brasileiros não precisam de visto para entrada no Uruguai e podem permanecer no país por até 90 dias, tanto para viagens a turismo quanto para viagens a negócios.

Já para os que querem morar no país ou ficar por um período maior do que 90 dias, é necessário fazer a solicitação de Residência Permanente no Ministério de Relaciones Exteriores de lá.

O Brasil e o Uruguai têm um acordo para facilitar a permanência de cidadãos brasileiros, que permite a solicitação de residência permanente no país vizinho sem a necessidade de vínculo empregatício - ideal para aposentados.

PUBLICIDADE

Por meio da residência permanente, o brasileiro pode obter o documento de identidade uruguaio, chamado Cédula de Identificación. Isso o habilita a viver e trabalhar legalmente no país.

Leia também

Agropecuária do Brasil equivale à 7ª economia da América Latina

Ataque da Capitânia ao Patria expõe ressaca dos fundos imobiliários

Belén Escobar

Belén Escobar

Licenciada en Periodismo (UNLZ). Especializada en economía y finanzas. Fue periodista de la agencia Noticias Argentinas (NA) y columnista en el Canal de la Ciudad. También colaboró con el portal iProfesional.

Ana Siedschlag

Ana Carolina Siedschlag

Editora na Bloomberg Línea. Jornalista brasileira formada pela Faculdade Cásper Líbero e especializada em finanças e investimentos. Passou pelas redações da Forbes Brasil, Bloomberg Brasil e Investing.com.

PUBLICIDADE