Mercados

Petrobras registra lucro de R$ 42,86 bilhões no segundo trimestre e supera estimativas

Ebitda da estatal no período fica mais que o dobro do segundo trimestre de 2020; lucro líquido vem acima da estimativa Bloomberg de R$ 29,4 bilhões

Lucro da Petrobras fica mais que o dobro do registo no segundo trimestre de 2020
04 de Agosto, 2021 | 06:55 pm
Tempo de leitura: <1 minuto

São Paulo — A Petrobras divulgou hoje que ampliou seus lucros no segundo trimestre, “impactado positivamente pelo efeito da apreciação do real sobre a dívida”. O Ebitda ajustado da companhia entre abril e junho ficou 147,9% acima do mesmo período de 2020, além de superar a estimativa Bloomberg.

Segundo o comunicado, a “valorização de 13% nos preços do Brent” e o “aumento do volume de vendas de derivados no mercado interno e das exportações” impulsionaram a receita do período.

A companhia ressaltou que segue em busca de atingir os US$ 60 milhões em dívida bruta, e continua dedicando grande parte de sua geração de caixa ao pré-pagamento da dívida.

A Petrobras divulgou ainda que aprovou a antecipação de remuneração a acionistas de R$ 31,6 bilhões, considerando “as perspectivas de resultado e geração de caixa da Petrobras para o ano de 2021″.

PUBLICIDADE

Veja abaixo os destaques dos resultados da companhia no 2T:

  • Ebitda ajustado: R$ 61,9 bilhões, 147,9% acima do mesmo período em 2020, e superior à estimativa Bloomberg de R$ 53,47 bilhões
  • Lucro líquido: R$ 42,86 bilhões, revertendo prejuízo de R$ 2,71 bilhões no 2T20, e acima da estimativa Bloomberg de R$ 29,41 bilhões
  • Receita líquida: R$ 110,7 bilhões, 117,5% acima do 2T20
  • Dívida bruta: US$ 63,68 bilhões, ante US$ 91,22 no 2T20


Kariny Leal

Kariny Leal

Jornalista carioca, formada pela UFRJ, especializada em cobertura econômica e em tempo real, com passagens pela Bloomberg News e Forbes Brasil. Kariny cobre o mercado financeiro e a economia brasileira para a Bloomberg Línea.

PUBLICIDADE