Salários e bônus na Faria Lima caem, mas ainda chegam a R$ 1,6 mi em média no ano

Ano mais desafiador para o mercado de capitais pesou sobre a remuneração variável de profissionais da área financeira, segundo estudo da Michael Page; veja os cargos com os maiores pagamentos

Vista da av. Faria Lima, em São Paulo
02 de Dezembro, 2023 | 07:45 AM

Bloomberg Línea — Depois de um ano desafiador para o mercado de capitais, com uma estiagem de IPOs, forte saída de recursos de fundos de investimento e crise no universo das criptomoedas, profissionais do setor devem esperar uma estabilização ou até mesmo queda nas remunerações do setor no Brasil em 2024.

Estudo de remuneração da Michael Page 2023-2024 divulgado com exclusividade à Bloomberg Línea mostra queda nas remunerações médias totais em posições nas áreas de criptomoedas, gestão de recursos, front office e investment banking.

Em algumas posições de investment banking (em assets, family offices, venture capital, private equities, corretoras), por exemplo, o “total compensation” anual ou remuneração total média, tem queda projetada de até 44% na comparação anual, segundo o levantamento.

É o caso do cargo de analista sênior de M&A de “grande empresa” (considerada pelos critérios do estudo aquela com receita operacional bruta anual maior que R$ 300 milhões).

PUBLICIDADE
LEIA +
De CFO a RI: quais são os cargos com os maiores salários na área de finanças

No mercado financeiro, a maior fatia do chamado “total comp” é formada por uma parcela variável, atrelada ao desempenho e performance do setor. Em média, o mercado financeiro paga entre dois e três salários em bônus, de acordo com Juliana Franca, gerente executiva da Michael Page.

No levantamento, contudo, há posições em bancos de atacado, de varejo e digitais em que o bônus médio corresponde a até seis salários, caso das áreas de produtos e risco, além do cargo de diretor de auditoria.

Apesar de uma melhora nos meses mais recentes, o mercado de capitais tem sido pressionado por uma taxa Selic de dois dígitos e, consequentemente, maior concorrência com produtos de renda fixa, em especial aqueles isentos de Imposto de Renda como CRIs, CRAs, LCIs e LCAs.

PUBLICIDADE

Na renda variável, o volume de captação em outubro foi o menor observado no ano, de R$ 214 milhões, segundo dados da Anbima, exclusivamente de follow-ons, diante da ausência de IPOs desde fevereiro de 2022.

No caso dos fundos de investimento, a indústria registrou saídas líquidas de R$ 4,7 bilhões em outubro, também segundo a Anbima, somando um resultado negativo da ordem de R$ 65 bilhões no acumulado de 2023.

Maiores remunerações

Ainda que as projeções para aumentos salariais no mercado financeiro estejam mais amenas para 2024, as remunerações atuais seguem elevadas, em especial quando comparadas com as oferecidas por outros setores da economia.

Entre os cargos com remunerações totais que ultrapassam a casa do milhão no ano estão os de head de risco de mercado, head de auditoria, diretor executivo de produtos, diretor executivo comercial e senior private banker.

No levantamento, a maior projeção de remuneração média é para o cargo de diretor executivo de produtos no setor de fintechs e instituições de pagamento, com “total comp” de até R$ 1.583.127. Vale destacar que os valores podem ser maiores a depender do bônus.

As dez maiores remunerações no mercado financeiro, segundo a Michael Page:

Ano de poucas movimentações

Após um boom nos anos de 2020, 2021 e 2022, o ano de 2023 viu uma ressaca nas contratações e movimentações no mercado financeiro, segundo a consultoria global de recrutamento executivo.

“Em anos após eleição o mercado costuma sentir bastante. Fora isso, o cenário de juros e inflação altos fez com que houvesse uma redução no apetite das empresas e até insegurança em contratar e iniciar grandes projetos”, diz Franca, da Michael Page.

PUBLICIDADE

Com maior incerteza, as empresas preferiram trabalhar com quem já tinham dentro de casa, às vezes até com rodízio de profissionais dentro da empresa para encontrar o melhor “fit”.

“Teve ainda a questão de valuations mal feitos durante a pandemia, que levaram aos layoffs, desligamentos em massa em fintechs e startups no mercado.”

LEIA +
Bancos de Wall St disputam talentos de IA com remuneração de US$ 900 mil ao ano

Segundo Franca, as poucas movimentações vistas no ano vieram de posições voltadas para planejamento comercial, financeiro e de performance, “o que é típico nesses momentos de maior incerteza do mercado”. Também houve contratações na área de risco – operacional e financeiro, conta.

Negócios e tecnologia

Com orçamentos mais apertados para novas contratações, a briga por talentos se enfraqueceu nos últimos meses, com empresas buscando cada vez mais “profissionais 360″, isto é, profissionais mais seniores que além de entenderem do negócios, sabem de tecnologia, afirma Franca.

PUBLICIDADE

“Quando olhamos para novas posições em 2024, o principal ponto é o mix que vemos de um profissional que entende tanto do negócio quanto de tecnologia”, diz. E completa: “Tem sido mais fácil escolher alguém que entenda de crédito e queria aprender sobre tecnologia do que o contrário, mas também começamos a ver esse outro movimento.”

Apostas para 2024

Entre os principais cargos em destaque para o próximo ano, a executiva da Michael Page cita profissionais de RI e private banker sênior, que são aqueles responsáveis pela captação. Para esses cargos, o “total comp” máximo estimado em grandes empresas é de R$ 849.900 e R$ 1.139.850, estima a consultoria. Novamente, a fatia variável pode ser maior e contribuir para remunerações mais elevadas.

Em estruturas de cripto, Franca chama a atenção para posições de regulamentação. “Depois de grandes fraudes ao redor do mundo, este é um dos principais cargos no setor dado que a regulamentação ainda não está redonda.”

Em fintechs e sistemas de pagamento, profissionais voltados para a coordenação de projetos e gerência de produtos devem se destacar, segundo ela.

PUBLICIDADE

Em banco de investimentos, profissionais voltados para planejamento (contabilidade, controladoria, planejamento financeiro) deverão seguir em alta no próximo ano que vem, já que foram alguns dos que se destacaram em 2023.

-- Atualização do título para destacar que as remunerações compiladas pela consultoria podem ser superiores ao valor médio a depender do bônus

PUBLICIDADE

Leia também:

Emergentes podem ser os novos desenvolvidos, diz head do Morgan Stanley para área

Como a McKinsey e o mercado de consultoria de US$ 860 bi entraram em rara crise

Charlie Munger, braço-direito de Buffett na Berkshire, morre aos 99 anos

Mariana d'Ávila

Editora assistente na Bloomberg Línea. Jornalista brasileira formada pela Faculdade Cásper Líbero, especializada em investimentos e finanças pessoais e com passagem pela redação do InfoMoney.