PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Internacional

Governo Biden estuda suspensão de tarifas sobre aço ucraniano

A medida para suspender as taxas não é iminente e o presidente Joe Biden não recebeu a proposta, disseram fontes

mineria
Por Jenny Leonard e Joe Deaux e Saleha Mohsin
28 de Abril, 2022 | 08:54 am
Tempo de leitura: 1 minuto

Bloomberg — O governo Biden estuda suspender as tarifas sobre as importações de aço ucraniano, disseram pessoas familiarizadas com o assunto, em apoio ao país devastado pela guerra.

A medida para suspender as taxas não é iminente e o presidente Joe Biden não recebeu a proposta, disseram as pessoas.

O ex-presidente Donald Trump impôs uma tarifa de 25% sobre todas as importações de aço, justificando as taxas como medida de segurança nacional. Alguns países, incluindo Japão, Reino Unido e União Europeia, negociaram acordos com os EUA para reduzir a tarifa.

Uma porta-voz do Conselho Nacional de Segurança dos EUA disse que nenhuma decisão foi tomada. Uma porta-voz do Departamento de Comércio não respondeu a pedido de comentário.

PUBLICIDADE

Membros do Congresso têm pressionado o governo a suspender as tarifas como parte do esforço dos EUA de ajudar a Ucrânia a combater a invasão russa agora em seu terceiro mês. Uma enorme usina siderúrgica em Mariupol, na Ucrânia, tornou-se um bastião para as forças ucranianas e alguns civis na cidade sitiada.

A Azovstal Iron and Steel Works da Metinvest Holding já teve capacidade para produzir 6,2 milhões de toneladas de aço e 4,7 milhões de toneladas de laminados acabados a cada ano, de acordo com o site da empresa - cerca de um quinto da produção de aço da Ucrânia.

A União Europeia propôs a remoção temporária de todas as tarifas e exigências de cotas sobre as exportações ucranianas, incluindo aço, bens industriais e produtos agrícolas.

A proposta americana é principalmente simbólica. As atuais importações americanas de aço ucraniano não são consideradas altas o suficiente para ameaçar a participação de mercado de produtores domésticos, e as exportações da maior parte das commodities ucranianas entraram em colapso desde o início da guerra.

PUBLICIDADE

Em 2021, a Ucrânia embarcou 130.652 toneladas de aço para os EUA, pouco menos de 0,5% do total de importações do metal, segundo dados do U.S. Census Bureau.

Veja mais em bloomberg.com

Leia também

Saque em moeda estrangeira cresce em caixas eletrônicos no Brasil