PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Viagens

Verão em Punta del Este: quanto custa comer nos melhores restaurantes?

Com menos argentinos, o verão na região se destaca mais uma vez pela oferta gastronômica

Tempo de leitura: 2 minutos

Bloomberg Línea — Passar o verão em Punta del Este está se tornando cada vez mais exclusivo. À pandemia, e às exigências de renda que ela representa, soma-se um dólar cada vez mais caro para os argentinos, a moeda norte-americana que é referência de preços no país vizinho.

Este destino da América Latina tem sido historicamente escolhido por turistas de países que fazem fronteira com o Uruguai, mas os números desta temporada mostram um declínio de visitantes, que seria reduzido em 26% em relação à pré-pandemia para os argentinos e 16% para os brasileiros, segundo às projeções do Centro de Pesquisas Econômicas (Cinve) do Uruguai, publicadas pelo jornal La Nación.

PUBLICIDADE

Mesmo assim, Punta del Este continua justificando sua boa reputação e, além de suas praias, oferece uma ampla oferta gastronômica, uma das mais interessantes do continente. Aqui estão três das melhores alternativas.

#1 - La Susana, José Ignacio

O restaurante possui um cardápio mediterrâneo em um dos principais resorts de José Ignacio, a praia mais exclusiva de Punta del Este, com menu elaborado pelo chef Marcelo Betancourt, que também é responsável pelas propriedades Vik Retreats, também em José Ignacio.

PUBLICIDADE

Pescas do dia, salmão, frutos do mar e diversas opções de peixes e carnes que, em comparação com outros concorrentes, possuem um preço razoavelmente barato a partir de US$ 10 o prato.

#2- Fasano Las Piedras, em La Barra

É necessária reserva prévia para desfrutar da gastronomia de um dos hotéis mais exclusivos de Punta del Este, que oferece uma área próxima a 500 hectares de floresta marítima, e um cardápio que se destaca pelas massas e pela culinária italiana, mas também pelo caviar e aperitivos de polvo, entre outras iguarias a partir de US$ 20.

PUBLICIDADE

#3 – O Abraço, Primavera

“Situado nas florestas de Manantiales, El Abrazo é um restaurante, mas também é a casa do chef Federico Gasparri e Lucia Sosa Dias”, diz a descrição do restaurante, que está em sua décima primeira temporada, com produtos locais e diferentes formas de cozinhar.

Os pratos principais, incluindo fideuá alioli de frutos do mar, lasanha de caranguejo e siri gratinado, custam a partir de US$ 10.

PUBLICIDADE

#Bônus: Lavecchia de las Cárcavas, Rocha

Vale a pena viajar 50 quilômetros até Rocha para aproveitar a oferta do chef Martín Lavecchia e da confeiteira Lucia Calass, que após dez anos de treinamento em Barcelona exibem produtos locais com técnicas de alta cozinha e um menu degustação que custa entre US$ 60 e US$ 80 por pessoa.

Croquete de siri rocha, aioli e limão, cordeiro Aigua, mil-folhas de batata-doce, glacê de cenoura e demi e carpaccio de tomate, granita de melancia e manjericão aparecem no cardápio do restaurante que acompanha o empreendimento imobiliário de Las Cárcavas.

Leia também

Mariano Espina

Mariano Espina (BR)

Jornalista argentino com especialização em política. Anteriormente, trabalhou nas redações do jornal El Economista e do portal Data Clave. Graduado em jornalismo pela Universidade de El Salvador.

PUBLICIDADE