PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Mercados

Ibovespa aproveita otimismo por Black Friday e pausa cautela fiscal

Investidores tomam fôlego após semana de quedas, com varejistas despontando antes do evento de compras; mineradoras caem

Tempo de leitura: 1 minuto

São Paulo — O Ibovespa, principal índice da bolsa brasileira, abriu em queda nesta quinta-feira (18), mas logo passou a subir levemente, com investidores ainda medindo as negociações do governo em torno da PEC dos Precatórios, que pode sinalizar o comprometimento com o Teto de Gastos no pagamento do novo benefício do Auxílio Brasil.

  • Perto das 10h27, o Ibovespa avançava 0,4%, a 103.347 pontos
  • Já o dólar futuro operava em alta de 0,43%, a R$ 5,5528, em linha com moedas pares no exterior, como o rand sul-africano e o peso mexicano

A PEC dos Precatórios é o principal ponto de debate no mercado sobre as estratégias do governo que podem facilitar mais gastos sem responsabilidade fiscal.

PUBLICIDADE

A demora na resolução do impasse para a aprovação da PEC no Senado, além de manter a bolsa brasileira em queda nas últimas sessões, é o que tem pressionado a curva de juros, segundo a economista-chefe da Rico Investimentos, Rachel de Sá.

“Uma solução ao impasse é chave para reduzir a incerteza e alta percepção de risco fiscal que tem pressionado os mercados por aqui. As taxas de juros futuros (precificação do mercado sobre onde estarão os juros no futuro) fecharam o dia de ontem em alta, refletindo as incertezas em torno do rumo da taxa Selic nos próximos meses – analistas tentam saber se o Banco Central irá ainda além da alta de 1,5pp na próxima reunião, diante da inflação alta e da preocupação de aumento de gastos pelo governo”

—  Rachel de Sá, economista-chefe da Rico Investimentos

Cenário internacional

Enquanto isso, lá fora, a falta de apetite por risco dos investidores ajuda a piorar o cenário brasileiro. Os futuros das ações americanas caíam nesta manhã, assim como as bolsas europeias, que seguem a expectativa de que a economia da região se recupere mais lentamente do que o esperado.

Veja mais: Traders agora esperam aumento dos juros pelo BCE apenas em 2023

PUBLICIDADE

Entre as commodities, a possibilidade de que os Estados Unidos liberem petróleo cru das reservas de emergência para esfriar os preços é vista com cautela pelos mercados. A China anunciou nesta madrugada que irá vender parte das reservas, o que pode ajudar a diminuir a pressão sobre os preços no país.

Movimentação de ações

Mineradoras e siderúrgicas lideravam as quedas do Ibovespa, com o minério de ferro reagindo às previsões da Vale de um mercado equilibrado em 2022.

A segunda maior produtora mundial de minério de ferro prevê equilíbrio entre oferta e demanda no ano que vem e espera aumentar as vendas da commodity no período, disse o vice-presidente executivo de Ferrosos, Marcello Spinelli, durante conferência ontem, sobre o setor de aço.

PUBLICIDADE
  • As ações da Vale (VALE3) recuavam 2,83%, a R$ 63,16, enquanto as da CSN (CSNA3) caíam 3,82%, a R$ 20,12
  • As da Usiminas (USIM5) caíam 3,43%, a R$ 12,08

Na ponta de alta, varejistas como Natura e Magazine Luiza surfavam no otimisto pré-Black Friday. A XP Investimentos disse, em relatório, que o evento de compras marcado para a próxima sexta-feira (26) pode ter resultados melhores que o esperado, impulsionada principalmente por preços e um mix mais premium de produtos.

--Com a colaboração de Michelly Teixeira e Graciliano Rocha; informações da Bloomberg News

Leia também

Subvariante mais infecciosa da delta se espalha pelo Reino Unido

Ana Siedschlag

Ana Carolina Siedschlag

Editora na Bloomberg Línea. Jornalista brasileira formada pela Faculdade Cásper Líbero e especializada em finanças e investimentos. Passou pelas redações da Forbes Brasil, Bloomberg Brasil e Investing.com.

PUBLICIDADE