PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Brasil

Bolsonaro veta fundo eleitoral de R$ 5,7 bilhões

Montante constava de artigo da LDO, aprovada em julho, que previa aumento de R$ 2 bilhões para R$ 5,7 bilhões dos recursos para custear os gastos dos partidos com propaganda política

Presidente Jair Bolsonaro veta artigo da LDO que previa aumento de recursos para campanha política
20 de Agosto, 2021 | 07:11 pm
Tempo de leitura: <1 minuto

São Paulo — O presidente Jair Bolsonaro decidiu barrar o aumento do fundo eleitoral para R$ 5,7 bilhões, informou o Palácio do Planalto.

PUBLICIDADE

O montante constava de artigo da Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO), aprovada em julho, que previa aumento de R$ 2 bilhões para R$ 5,7 bilhões dos recursos para custear os gastos dos partidos com propaganda política.

A equipe econômica defende um valor próximo de R$ 2,1 bilhões.

PUBLICIDADE

Desde 2018, as empresas não podem mais fazer doação para as campanhas eleitorais.

Leia também

Portos do Arco Norte tornaram soja de MT mais barata que a dos EUA, diz Tarcísio

Bolsa fecha em alta com exterior, mas mantém queda na semana com peso de tensões domésticas

Bolsonaro mostra irritação com autonomia do Banco Central