Debenturistas da Unigel declaram vencimento antecipado de dívida

Detentores de títulos da dívida da fabricante de fertilizantes não conseguiram chegar a um acordo com a empresa e votaram pela antecipação

Unidade da Unigel
Por Vinícius Andrade
06 de Dezembro, 2023 | 09:37 PM

Bloomberg — Os debenturistas da Unigel declararam o vencimento antecipado dos títulos de dívida local após não entrarem em um acordo com a fabricante brasileira de fertilizantes — que ainda não divulgou suas demonstrações financeiras do segundo e do terceiro trimestre.

Os credores locais votaram pela aceleração da dívida em uma reunião realizada nesta quarta-feira (6), optando por não prorrogar um compromisso de inação de 90 dias válido até o fim da terça-feira, segundo cópia da ata da AGD revisada pela Bloomberg News.

LEIA +
As 10 ações mais recomendadas para dezembro, segundo 14 bancos e corretoras

A Unigel não comenta. A empresa vem sendo assessorada pela Moelis & Co, Felsberg Advogados e Padis Mattar em meio às negociações para reestruturação de sua dívida.

Os bonds da Unigel, que negociavam acima do valor nominal em janeiro, despencaram para cerca de 34 centavos de dólar, entregando a investidores uma das piores perdas em termos percentuais entre os seus pares emergentes em 2023.

PUBLICIDADE

A S&P Global Ratings rebaixou a empresa para “default” depois que a Unigel não efetuou o pagamento de juros de US$ 23,2 milhões sobre os títulos em dólar, mesmo após um período de carência.

Veja mais em Bloomberg.com

Leia também

PUBLICIDADE

Quase um terço dos novos unicórnios perde a marca de US$ 1 bilhão

BlackRock alerta para ‘decepção’ com apostas em juros nos EUA