Ibovespa recua com Petrobras e bancos, apesar de alta das ações da Vale

Principal índice de ações da bolsa brasileira tinha perdas nesta sexta-feira (23), com investidores monitorando ainda falas de membros do Fed nos EUA

Ibovespa recua com Petrobras e bancos, apesar de alta das ações da Vale
23 de Fevereiro, 2024 | 11:15 AM

Bloomberg Línea — O Ibovespa (IBOV) ampliou as perdas nesta sexta-feira (23), em uma sessão de queda para commodities. A alta das ações da Vale (VALE3), contudo, limitava as perdas.

A mineradora divulgou seu balanço do quarto trimestre na noite de quarta-feira (22) e reportou lucro líquido de US$ 2,4 bilhões no quarto trimestre de 2023, queda de 35% na comparação anual. O resultado foi impactado, em parte, por provisão referente à Samarco. No ano, o lucro líquido da companhia foi de US$ 8 bilhões, queda de 58% sobre 2022.

Já a geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização, na sigla em inglês), ajustado ficou em US$ 6,3 bilhões no trimestre, alta de 37% na comparação anual.

No exterior, após um rali na sessão anterior impulsionado pelo balanço e guidance fortes da fabricante de chips Nvidia (NVDA), os investidores avaliam a perspectiva para os mercados acionários depois que os índices dos Estados Unidos, Europa e Japão atingirem máximas históricas.

PUBLICIDADE

Atenção ainda para falas de membros do Federal Reserve, que reforçaram na quinta-feira (22) a mensagem de que o banco central americano ainda deve cortar as taxas de juros este ano – mas não no curto prazo.

Por volta das 11h15 (horário de Brasília), o principal índice da bolsa de valores brasileira recuava 0,21% aos 129.965 pontos. Além da queda das ações da Petrobras, o índice também era pressionado negativamente pela queda dos papéis de grandes bancos. O dólar, por sua vez, era negociado a R$ 4,98, com alta de 0,32% no mesmo horário.

As ações mais negociadas nesta manhã eram:

PUBLICIDADE

Desempenho

No pregão de ontem (22), o Ibovespa fechou no azul, com alta de 0,16%, aos 130.241 pontos. O volume das negociações ficou em R$ 1.077.172.400.

As ações com as maiores altas foram: Magazine Luiza (MGLU3), com +7,65%; Braskem (BRKM5), com +6,35%; Hapvida (HAPV3), com +5,60%.

As de maior queda foram: JBS (JBSS3), com -2,57%; WEG (WEGE3), com -3,17%; Itaú Unibanco (ITUB4), com -3,72%.

No ano, o Ibovespa acumulava queda de 2,94% até o pregão anterior.

-- Conteúdo elaborado com auxílio de dados automatizados da Bloomberg.

Leia também:

Mercado Livre volta a acelerar o crédito e vê início de ano ‘muito forte’, diz RI

David Solomon, Jane Fraser: quanto ganham os CEOs dos maiores bancos de Wall St

Mariana d'Ávila

Editora assistente na Bloomberg Línea. Jornalista brasileira formada pela Faculdade Cásper Líbero, especializada em investimentos e finanças pessoais e com passagem pela redação do InfoMoney.