Ibovespa apaga perdas e sobe com Petrobras e Vale, após payroll nos EUA

Após relatório de emprego, que mostrou criação de 199 mil vagas, apostas de um início do ciclo de queda dos juros nos EUA no início de 2024 recuam

Ibovespa apaga perdas e sobe com Petrobras e Vale, após payroll nos EUA
08 de Dezembro, 2023 | 12:26 PM

Bloomberg Línea — O Ibovespa (IBOV), que recuava após dados de emprego mais fortes que o esperado nos Estados Unidos, apagou as perdas e ampliou os ganhos nesta sexta-feira (8), puxado pela alta de blue chips como Petrobras (PETR3; PETR4) e Vale (VALE3).

Por volta das 12h25 (horário de Brasília), o principal índice da bolsa de valores brasileira subia 0,84% aos 127.071 pontos. O dólar, por sua vez, era negociado a R$ 4,91, com leve alta de 0,06%.

Em novembro, os Estados Unidos criaram 199.000 vagas, acima das 185.000 estimadas em pesquisa da Bloomberg com economistas. A taxa de desemprego, por sua vez, desacelerou de 3,9%, em outubro, para 3,7% em novembro.

Após os dados mais fortes desta sexta, especialistas questionam se o Federal Reserve conseguirá cortar os juros tão cedo quanto o mercado esperava.

PUBLICIDADE

“Arrefeceu-se marginalmente a perspectiva de que o Fed funds tenha um corte tão precoce quanto o mercado apontava, preponderante em março do ano que vem”, avalia Étore Sanchez, economista-chefe da Ativa Investimentos.

Para Jeffrey Rosenberg, da BlackRock, o relatório foi positivo, “mas é difícil ver de onde virá a restrição da política do Fed, dada a taxa de desemprego atual”.

Ainda na cena externa, são acompanhados hoje dados de confiança ao consumidor da Universidade de Michigan de dezembro, nos EUA, bem como dados de inflação ao consumidor e ao produtor de novembro na China.

PUBLICIDADE

Desempenho

No pregão de ontem (7), o Ibovespa fechou no azul, com alta de 0,31%, aos 126.010 pontos. O volume das negociações ficou em R$ 1.050.800.800.

As ações com as maiores altas foram: Grupo Soma (SOMA3), com +5,68%; EzTec (EZTC3), com +5,44%; Yduqs (YDUQ3), com +4,75%.

As de maior queda foram: São Martinho (SMTO3), com -2,04%; Cielo (CIEL3), com -2,05%; Hypera (HYPE3), com -2,40%.

No ano, o Ibovespa acumulava alta de 14,83% até o pregão anterior.

-- Atualização das cotações às 12h25 (horário de Brasília)

-- Conteúdo elaborado com auxílio de dados automatizados da Bloomberg.

Leia também:

PUBLICIDADE

Como a Anacapri virou uma alavanca de vendas no portfólio de marcas da Arezzo

O alerta de Ray Dalio na COP sobre a economia verde: ‘é preciso dar lucro’

Mariana d'Ávila

Editora assistente na Bloomberg Línea. Jornalista brasileira formada pela Faculdade Cásper Líbero, especializada em investimentos e finanças pessoais e com passagem pela redação do InfoMoney.