PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Internacional

Rússia fica fora da Copa do Mundo e clubes perdem torneios da UEFA

Com a medida anunciada nesta segunda-feira (28), a equipe russa não poderá disputar uma partida de repescagem das Eliminatórias da Copa

Rússia é barrada da Copa do Mundo e clubes perdem torneios da UEFA
28 de Fevereiro, 2022 | 03:43 pm
Tempo de leitura: 1 minuto

Bloomberg Línea — A Seleção Russa ficará de fora da Copa do Mundo do Catar, em novembro deste ano, após a decisão da FIFA de suspender o país de competições, em mais uma sanção à nação de Vladimir Putin. Em comunicado conjunto, a União das Federações Europeias de Futebol, UEFA, também proibiu que as equipes russas participem de seus torneios.

Com a medida anunciada nesta segunda-feira (28), a equipe russa não poderá disputar uma partida de repescagem das Eliminatórias da Copa. A Seleção jogaria contra a Polônia no próximo dia 24, que já havia se manifestado em oposição à partida. O país tem sido o principal destino de refugiados ucranianos.

PUBLICIDADE

A Copa do Mundo de 2022 será disputada no Catar entre 21 de novembro e 18 de dezembro.

Veja mais: Esportes e entretenimento: Confira eventos que foram cancelados na Rússia

“As decisões foram adotadas hoje pelo Bureau do Conselho da FIFA e pelo Comitê Executivo da UEFA, respectivamente os mais altos órgãos de decisão de ambas as instituições sobre assuntos tão urgentes”, diz o comunicado conjunto. “O futebol está totalmente unido aqui e em total solidariedade com todas as pessoas afetadas na Ucrânia. Ambos os presidentes esperam que a situação na Ucrânia melhore significativa e rapidamente para que o futebol possa voltar a ser um vetor de unidade e paz entre os povos.”

PUBLICIDADE

A decisão da FIFA e da UEFA atinge equipes masculinas e femininas, principais e de base. A Rússia ainda pode recorrer da decisão ao Tribunal Arbitral do Esporte. Assim, a Seleção russa feminina também não poderá disputar a Eurocopa Feminina, que será disputada na Inglaterra em julho.

Também hoje (28), o Comitê Olímpico Internacional pediu às organizações esportivas que excluíssem todos os atletas e oficiais russos e bielorrussos das competições em todo o mundo. A Rússia quebrou a trégua olímpica invadindo a Ucrânia, assim como o governo da Belarus em seu apoio ao Kremlin, disse o COI em comunicado.

Veja mais: AO VIVO: Rússia diz que Ucrânia concordou em continuar negociações

O COI também retirou a Ordem Olímpica, a maior condecoração do Movimento Olímpico, do presidente Vladimir Putin e reiterou sua recomendação de não organizar nenhum evento esportivo na Rússia ou na Belarus.

Leia também

Copa do Mundo: quanto custa viajar para o Catar saindo da América Latina?

Kariny Leal

Kariny Leal

Jornalista carioca, formada pela UFRJ, especializada em cobertura econômica e em tempo real, com passagens pela Bloomberg News e Forbes Brasil. Kariny cobre o mercado financeiro e a economia brasileira para a Bloomberg Línea.

PUBLICIDADE