Estilo de vida

Esportes e entretenimento: Confira eventos que foram cancelados na Rússia

Mundo de esportes e entretenimento busca cortar laços com a Rússia após invasão da Ucrânia

Mundo de esportes e entretenimento busca cortar laços com a Rússia após invasão da Ucrânia
Por Martine Paris
25 de Fevereiro, 2022 | 09:47 pm
Tempo de leitura: 2 minutos

Bloomberg — Organizações esportivas e culturais internacionais estão reagindo à invasão da Ucrânia, suspendendo e cancelando eventos futuros na Rússia.

Olímpíadas

O Comitê Olímpico Internacional pediu nesta sexta-feira que todas as organizações esportivas mudem ou cancelem eventos na Rússia e na Bielorrússia, citando uma violação de uma resolução das Nações Unidas de que uma trégua entre todos os 193 países membros da ONU seria respeitada até 20 de março, ou sete dias após o fechamento dos Jogos Paralímpicos.

Fórmula 1

Nas corridas, a Fórmula 1 cancelou o Grande Prêmio da Rússia, que estava marcado para 23 de setembro. “Estamos observando os desenvolvimentos na Ucrânia com tristeza, choque e esperança de uma solução rápida e pacífica para a situação atual”, de acordo com um comunicado da FIA no site da Fórmula 1 na quinta-feira. A equipe Haas F1 confirmou à ESPN que tomará uma decisão sobre seu acordo de patrocínio com a russa Uralkali e participou dos testes de pré-temporada na sexta-feira em um carro branco simples.

Tênis

No tênis, o torneio ATP Challenger planejado para acontecer em Moscou em 28 de fevereiro foi cancelado devido a preocupações com a segurança dos jogadores e incertezas relacionadas a viagens internacionais. O tenista russo Daniil Medvedev, que se tornará o jogador nº 1 do ranking da ATP, disse a repórteres na quinta-feira sobre a invasão: “Não é fácil ouvir todas essas notícias. Eu sou a favor da paz.”

PUBLICIDADE

Esqui

A Federação Internacional de Esqui disse que seis eventos programados para acontecer na Rússia serão cancelados ou transferidos para outro local “no interesse da segurança de todos os participantes e para manter a integridade da Copa do Mundo”.

Futebol

A Uefa disse que a final de 28 de maio da Liga dos Campeões será transferida de São Petersburgo para Paris “após a grave escalada da situação de segurança na Europa”. O Manchester United, da Premier League, retirou os direitos de patrocínio da companhia aérea russa Aeroflot devido aos acontecimentos na Ucrânia. “Compartilhamos as preocupações de nossos torcedores ao redor do mundo e estendemos nossas condolências aos afetados”, disse o clube em seu site.

Eurovision Song

Além dos esportes, o Eurovision Song Contest, uma competição internacional de composição que atraiu 183 milhões de espectadores no ano passado, impedirá a participação de artistas russos. “À luz da crise sem precedentes na Ucrânia, a inclusão de uma entrada russa traria descrédito à concorrência”, disse a União Europeia de Radiodifusão em um tuíte.

A EBU emitiu a declaração abaixo sobre a participação da Rússia no Eurovision Song Contest 2022

PUBLICIDADE

--Com a ajuda de Kim Bhasin.

© 2022 Bloomberg L.P.

PUBLICIDADE