PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Negócios

Soft skills: quais são as cinco favoritas das empresas?

Com a pandemia, o ambiente de trabalho mudou, assim como as características valorizadas no perfil dos colaboradores

Empresas valorizam características como adaptação, inovação e dinamismo
Por Belén Escobar (BR)
20 de Fevereiro, 2022 | 11:19 am
Tempo de leitura: <1 minuto

Bloomberg Línea — Embora a transformação digital se manifeste há anos, o coronavírus acelerou seu processo, principalmente no ambiente de trabalho, o que trouxe consigo uma mudança no perfil dos profissionais.

PUBLICIDADE

Educação, diplomas e certificações ainda são importantes para as organizações, mas as chamadas “soft skills” estão ficando cada vez mais relevantes.

Javiera Ruiz, diretora de recursos humanos da Decolar, considerou que apesar de “as hard skills serem fundamentais, existem outras qualidades e capacidades que determinam o trabalho dos profissionais”.

PUBLICIDADE

“As empresas de tecnologia estão expostas a problemas que exigem abordagens 100% inovadoras. Se há uma coisa que aprendemos com a pandemia, é que não dá para prever problemas ou complicações futuras. Por isso, quanto mais dinâmicas forem as equipes e quanto mais conseguirmos nos adaptar, mais fácil será resolver qualquer desafio que possa surgir”, contou.

Javiera Ruiz. Chief Human Resources Officer de Despegar. Foto: Despegardfd

As cinco soft skills mais valorizadas no novo ambiente de trabalho

  1. Aprendizado contínuo: como a tecnologia provoca mudanças no mercado e nos consumidores todos os dias, é necessária uma vocação para se manter em estado de aprendizado. Por isso, a formação permanente assume um protagonismo inédito.
  2. Tolerância a erros: os desafios do futuro são desconhecidos e o profissional de TI deve investigar, testar e propor soluções, observando ao longo do caminho o que funciona e o que não funciona. Trata-se da capacidade de ver os erros como oportunidades para crescer, não como obstáculos.
  3. Aprendizado colaborativo: capacidade de se adaptar às estruturas organizacionais para implantar e descobrir novas habilidades Na Decolar, valorizamos muito o trabalho em equipe.
  4. Vontade de ensinar: Com equipes expostas a metodologias ágeis que promovem a inovação, são necessários profissionais que compartilhem seus conhecimentos.
  5. Movimento: Ser exigente, apaixonado, adaptando-se às mudanças e mantendo viva a vontade de continuar crescendo.

--Este texto foi traduzido por Bianca Carlos, localization specialist da Bloomberg Línea.

Leia também

Belén Escobar

Belén Escobar (BR)

Graduada em Jornalismo (Universidad Nacional de Lomas de Zamora). Especializada em economia e finanças. Foi jornalista da agência Noticias Argentinas (NA) e colunista do Canal de la Ciudad. Ela também colaborou com o portal iProfesional.