PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Mercados

Bolsa de Metais de Londres retoma negociações após 5 horas de interrupção

Falha de energia em um data center de terceirizados acontece em momento delicado para a bolsa, cujos volumes caíram drasticamente no ano passado

Tempo de leitura: 2 minutos

Bloomberg — A Bolsa de Metais de Londres (LME) disse ter retomado o comércio eletrônico depois que a maior bolsa de metais básicos do mundo sofreu uma interrupção de mais de cinco horas causada por uma falha de energia em um data center de terceirizados.

O mercado deveria abrir à 1h, horário de Londres (22h, horário de Brasília), e acabou sendo retomado às 6h15, depois que a bolsa migrou seus sistemas para um data center de backup.

PUBLICIDADE

Os traders ainda puderam negociar por telefone durante a interrupção, de acordo com uma pessoa familiarizada com o assunto - a LME tem um grande mercado por telefone que é popular entre bancos, corretoras e clientes institucionais que precisam fazer negócios grandes e complexos.

Embora o comércio eletrônico represente apenas cerca de um terço dos volumes totais na LME, os investidores precisam desse segmento para cotações de preços ao vivo. A plataforma eletrônica também é usada para definir os preços de fechamento diários, embora a interrupção na segunda-feira tenha começado cerca de uma hora após o fechamento das janelas de preços.

É um momento difícil para uma interrupção na LME, que define os preços globais para commodities de referência como cobre e alumínio e negocia cerca de US$ 64 bilhões em contratos futuros diariamente. As relações com alguns de seus maiores corretores foram tensas por uma briga sobre o fechamento do histórico pregão de viva voz.

PUBLICIDADE

A bolsa também está enfrentando queda nos volumes de negociação, que caíram para o menor nível em mais de uma década no ano passado, mesmo com a alta dos preços dos metais.

Os sistemas da LME foram desligados por uma queda de energia de terceiros.

Os traders conseguiram fazer negociações por telefone durante a interrupção porque o mecanismo de correspondência de negociações da LME está hospedado em um site diferente, de acordo com a pessoa familiarizada com o assunto. No entanto, enquanto o sistema eletrônico da LME estava funcionando no início do dia de negociação europeu, algumas plataformas de software de terceiros ainda estavam recalibrando seus sistemas para contabilizar a mudança para o site de backup, disse a pessoa.

PUBLICIDADE

A LME, cujas origens remontam ao século 19, introduziu sua plataforma de negociação eletrônica LMESelec em 2001. Embora o pregão de viva voz tenha sobrevivido por enquanto, seu papel foi reduzido ainda mais no ano passado como parte de um compromisso para mantê-lo aberto.

A exchange sofreu desligamentos inesperados no passado devido a outros problemas, incluindo problemas de conectividade com provedores de rede externos. Houve duas grandes interrupções em seis meses em 2016 e 2017, levando os traders a usar os telefones para reagir aos movimentos de preços nas bolsas rivais.

A interrupção encerra turbulentos 12 meses para a LME. O plano de fechar permanentemente o pregão ao vivo foi cancelado em junho, seis meses depois que a LME anunciou sua proposta, após uma reação dos principais usuários. No entanto, os volumes de negociação no pregão do ano passado caíram drasticamente em relação aos níveis pré-pandêmicos, levando a perguntas contínuas sobre seu futuro.

PUBLICIDADE

Em outubro, a bolsa foi forçada a intervir para restaurar a ordem no mercado de cobre - lançando uma investigação sobre negociação e fazendo mudanças nas regras de emergência - depois que as ordens para retirar o metal levaram os estoques a níveis perigosamente baixos e provocaram grandes oscilações de preços.

  • Perto das 6h, horário de Brasília, os futuros de cobre subiam 1%, a US$ 9.656 a tonelada, enquanto o níquel saltava 3,1%

--Com a colaboração de Winnie Zhu e Martin Ritchie

Leia também

PUBLICIDADE