PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Mercados

Terra Santa fecha capital na B3 após incorporação pela SLC

CVM cancela registro de companhia aberta, elevando para 22 o total de empresas que fecharam capital

Com o fechamento de capital da Terra Santa, B3 passa a ter 454 listadas; nesta semana, a Getnet foi a última a estrear no pregão
20 de Outubro, 2021 | 03:08 pm
Tempo de leitura: 1 minuto

São Paulo — A Terra Santa Agro fechou capital. A CVM (Comissão de Valores Mobiliários) cancelou seu registro de companhia aberta na categoria A. A empresa informou, nesta quarta-feira (20), que passou a ser uma companhia fechada desde ontem (19), deixando de ter ações listadas na B3.

O fechamento de capital ocorre após a incorporação da empresa pela gaúcha SLC Agrícola, uma operação que foi concluída no começo de agosto e que criou uma gigante de grãos e oleaginosas no Brasil.

PUBLICIDADE

Segundo a B3, a Terra Santa tinha 30.558.664 ações ordinárias em circulação no mercado, o que representava um “free float” de 31,76%. Os papéis estavam em poder de 5.741 pessoas físicas, 37 pessoas jurídicas e 68 investidores institucionais. Os dados da B3 são referentes à posição no último dia 1º de agosto.

Em 21 de setembro, a posição acionária da companhia apontava a holding Bonsucex com 18,05% do captial da Terra Santa, o empresário Silvio Tini de Araújo, que comanda a Bonsucex, com 25,15% das ações, e a gestora Laplace Investimentos com 23,07%, enquanto a Gávea Investimentos detinha 8,05% da companhia.

Mais IPO que cancelamento

Dados da CVM apontam que, neste ano, houve 22 cancelamentos de registro de companhia aberta, incluindo o da Terra Santo Agro. Já a B3 registrou 47 novas companhias listadas neste ano, incluindo a Getnet e a Assaí, que chegaram ao pregão após cisão.

PUBLICIDADE

Uma das empresas que fecharam capital neste ano, aVenture Capital Participações e Investimentos (VCI), representante dos projetos hoteleiros do Hard Rock Café, criticou, em agosto, quando deixou de ser listada na B3, as regras do jogo do mercado nacional de capitais. Em comunicado sobre o cancelamento de seu registro, a VCI disse que o sistema de contabilidade brasileiro segue “princípios desatualizados” comparado aos EUA e à Ásia.

“A bolsa brasileira tem realmente mais foco para commodities, empresas de internet ou empresas de varejo que possuem uma contabilidade mais simples e intuitiva e de fácil compreensão para os investidores e técnicos analistas”, comentou a VCI, que teve uma oferta de debêntures questionada pela CVM e chegou a ter seu registro suspenso temporariamente.

Quem fechou capital em 2021

Janeiro

  • Cosan Logística

Fevereiro

  • Banco Voiter
  • Renova Companhia Securitizadora
  • Março
  • Áquilla Securitizadora
  • Santher Fabricante de Papel Santa Therezinha

Abril

  • BRPR 56 Securitizadora de Créditos Imobiliários

Junho

PUBLICIDADE
  • Biosev
  • Fibam Cia Industrial

Julho

  • Brasil Securitizadora
  • Gaia Crédito Securitizadora

Agosto

Setembro

PUBLICIDADE
  • Smiles Fidelidade
  • UP Engenharia e Urbanismo

Outubro

  • Terra Santa Agro

Leia também

Fundação Gates quer acelerar acesso à pílula contra Covid da Merck

Na Colômbia, café tem gosto brasileiro

Regras da UE para internet devem ser adiadas mais uma vez, para 2022

Sérgio Ripardo

Sérgio Ripardo

Jornalista brasileiro com mais de 25 anos de experiência, com passagem por sites de alcance nacional como Folha e R7, cobrindo indicadores econômicos, mercado financeiro e companhias abertas.

PUBLICIDADE