PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Green

Rainha Elizabeth está ‘irritada’ com inação climática de líderes mundiais

Monarca britânica participará da cúpula do clima no próximo mês juntamente com outros membros da família real

"Extraordinário, não é? Tenho ouvido tudo sobre a COP e ainda não sei quem vem. Não faço ideia", disse a rainha
Por Ronan Martin
15 de Outubro, 2021 | 06:20 pm
Tempo de leitura: 1 minuto

Bloomberg — A Rainha Elizabeth II foi ouvida criticando os líderes mundiais pela falta de ação sobre a mudança climática, antes da cúpula da COP26 em Glasgow.

PUBLICIDADE

A monarca britânica, de 95 anos, disse que “é muito irritante quando eles falam, mas não fazem”. Os comentários foram feitos em uma conversa privada com Camilla, a duquesa da Cornualha, esposa do príncipe Charles, e Elin Jones, a presidente do Parlamento galês, e foram captados por uma transmissão ao vivo, em sua visita na quinta-feira (14).

“Extraordinário, não é? Tenho ouvido tudo sobre a COP e ainda não sei quem vem. Não faço ideia”, disse ela.

PUBLICIDADE

Os comentários sinceros, que normalmente permaneceriam a portas fechadas, oferecem uma rara visão da monarca que mais tempo passou no trono da Grã-Bretanha. Ela participará da cúpula do clima no próximo mês, juntamente com outros membros da família real.

O presidente da China, Xi Jinping, não deve comparecer à reunião internacional, que começa no final do mês, relatou o The Times.

O pessimismo em torno do evento começou a crescer, já que os organizadores temem que a decisão de não participar seja um prelúdio para que a China não estabeleça novas metas para as mudanças climáticas.

No início da quinta-feira (14), o príncipe William, segundo na linha de sucessão ao trono, criticou alguns dos bilionários do mundo por estarem mais focados em ir para o espaço do que em resolver a questão da mudança climática.

Quando ela soube sobre os comentários de seu neto, a Rainha pareceu encantada, dizendo: “Eu li sobre isso!”

PUBLICIDADE

A Rainha criticou líderes mundiais de países como China, Rússia e Austrália por não se comprometerem com a Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática (COP26), que será no mês que vem, em Glasgow, dizendo “É realmente irritante quando eles falam, mas não fazem.”

Veja mais em Bloomberg.com

Leia também

COP26: Biden vai à cúpula do clima enfraquecido por batalha interna

Príncipe Harry e Meghan se unem ao boom do ESG