Brasil

Hidrelétricas podem ser desativadas por conta da seca, avisa Bolsonaro

“Os níveis de água estão em 10% a 15% na maioria dessas usinas hidrelétricas, estamos no limite”, disse o presidente em transmissão em rede social

Os altos preços da energia elétrica têm sido principal fator para pressões inflacionárias
Por Peter Millard
27 de Agosto, 2021 | 06:06 pm
Tempo de leitura: 1 minuto

Bloomberg — O presidente Jair Bolsonaro está pedindo aos brasileiros que economizem energia para evitar suspensões em instalações hidrelétricas, o mais recente sinal de como uma seca épica está ameaçando a maior economia da América Latina.

“Estou chamando vocês que estão em casa agora: tenho certeza de que podem desligar a fonte de luz em sua casa. Isso ajudaria a economizar energia e água“, disse o presidente em transmissão ao vivono Facebook na noite de quinta-feira (26). “Os níveis de água estão em 10% a 15% na maioria dessas usinas hidrelétricas, estamos no limite. Alguns vão parar de trabalhar se esta crise de água continuar.”

Eventos climáticos extremos estão afetando o fornecimento de energia em todo o mundo este ano. Barragens estão secando no Brasil e no oeste dos Estados Unidos devido às secas. Enquanto isso, uma enchente no Himalaia danificou uma barragem na Índia e quase rompeu uma na Alemanha.

Veja mais: Caos logístico abala exportação de carne do Paraguai e Uruguai

PUBLICIDADE

O Brasil depende das hidrelétricas para mais de 60% de sua energia, e a seca obrigou o país a aumentar a produção de eletricidade mais cara e intensiva em carbono a partir de gás natural e diesel, levando a inflação anual para mais de 9% e aumentando a perspectiva de aumentos adicionais das taxas de juros pelo Banco Central.

Há preocupações de que o país precise começar a racionar eletricidade se a estação seca se intensificar e se estender além de novembro.

Veja mais em bloomberg.com

Leia também

Brasília em Off: 7 de setembro será termômetro do time de Guedes

PUBLICIDADE

Banco Inter fecha acordo de compra da fintech USEND para ingressar no mercado dos EUA

Casa Branca estuda indicar Powell para segundo mandato no Fed