promo
Brasil

Eternit paralisa mina de amianto em Goiás após ordem judicial

Companhia indica intenção de recorrer da decisão da Justiça Federal, amparada em uma lei estadual

Tempo de leitura: 1 minuto

São Paulo — A Eternit decidiu paralisar as atividades de sua mineradora Sama em Minaçu, norte de Goiás, após a Justiça Federal determinar a suspensão imediata da exploração de amianto crisotila, que é proibida pelo Supremo Tribunal Federal (STF) desde 2017. A companhia tinha retomado a extração com base em uma lei estadual, que abre brecha para a exportação do produto.

Segundo o INCA (Instituto Nacional de Câncer), a exposição ao amianto está relacionada à ocorrência de diversas doenças e é classificado como reconhecidamente cancerígeno para os seres humanos.

Veja mais: Monsanto deve pagar US$ 185 milhões a professores

Na manhã desta sexta-feira (20), a Eternit, que está em processo de recuperação judicial, informou que foi notificada, ontem, da decisão do juiz Bruno Teixeira de Castro, da Comarca de Uruaçu (GO), em resposta a um pedido do Ministério Público Federal em uma Ação Civil Pública.

Veja mais: Brasil exporta ouro ilegal

A companhia indicou a intenção de recorrer da ordem judicial. “A companhia paralisou suas atividades e está envidando todos os esforços necessários para reverter a referida decisão liminar, demonstrando a regularidade da sua operação, amparada na Lei do Estado de Goiás nº 20.514/19, regulamentada pelo Decreto 9.518”, citou a Eternit em comunicado ao mercado.

Em novembro de 2017, a empresa havia anunciado, em fato relevante, que deixaria de utilizar amianto crisotila na fabricação de telhas de fibrocimento a partir de dezembro de 2018, para se adequar à tendência dos consumidores de rejeitarem produtos com amianto. A Eternit prometeu, na época, concluir o processo de substituição do amianto, que tem seu uso proibido em alguns Estados do país, por fibras sintéticas.

Leia mais

Peru acalma mercados com plano para explorar reservas de cobre

Mineradora de lítio lança plataforma em busca de maiores margens

Oferta de crédito de Vale e BHP à Samarco não é a melhor, diz juiz

Sérgio Ripardo

Sérgio Ripardo

Jornalista brasileiro com mais de 25 anos de experiência, com passagem por sites de alcance nacional como Folha e R7, cobrindo indicadores econômicos, mercado financeiro e companhias abertas.