Internacional

Postos de gasolina forçam alta no varejo americano em março

Excluindo as receitas em postos de gasolina, as vendas caíram 0,3% no mês passado; os números não são ajustados pela inflação

A estimativa mediana em uma pesquisa da Bloomberg apontava um ganho de 0,6% nas vendas gerais do varejo em relação ao mês anterior.
Por Molly Smith
14 de Abril, 2022 | 09:56 am
Tempo de leitura: 1 minuto

Bloomberg — As vendas no varejo aumentaram em março nos Estados Unidos, com um aumento nas receitas dos postos de gasolina mascarando resultados mais mistos em outras categorias, à medida que a inflação de décadas corrói a renda disponível dos americanos.

O valor das compras totais no varejo aumentou 0,5%, após um ganho de 0,8% revisado para cima em fevereiro, mostraram os números do Departamento de Comércio nesta quinta-feira (14).

O avanço de março foi liderado por um salto de 8,9% nos gastos com gasolina. Excluindo as receitas em postos de gasolina, as vendas caíram 0,3% no mês passado. Os números não são ajustados pela inflação.

A estimativa mediana em uma pesquisa da Bloomberg apontava um ganho de 0,6% nas vendas gerais do varejo em relação ao mês anterior.

PUBLICIDADE

Após o maior aumento percentual mensal nos preços da gasolina no varejo em seis anos, e junto com o aumento dos custos de alimentação e abrigo, os americanos têm escolhas de gastos mais difíceis para fazer além do essencial. A guerra da Rússia na Ucrânia está aumentando os custos de energia e commodities, aumentando a inflação desenfreada que está desmoronando o poder de compra.

--Com a colaboração de Jordan Yadoo e Olivia Rockeman.

Leia também

Cinco coisas que você precisa saber para começar o dia

Mercado Bitcoin contrata ex-sócio do Itaú para liderar marketing

PUBLICIDADE