Mercados

As ações mais recomendadas por analistas de 14 corretoras para abril

Para este mês, preferências recaem sobre os setores bancário e de energia, além de varejistas e blue chips, como Vale e Petrobras

Varejista esteve entre os nomes mais recomendados por analistas do mercado para este mês
02 de Abril, 2022 | 11:32 am
Tempo de leitura: 1 minuto

Bloomberg Línea — Depois de um trimestre de alta volatilidade – mas de ganhos – para ativos de risco, com forte valorização e preferência para papéis ligados às commodities, investidores começam a virar suas atenções para nomes mais expostos à economia local. A avaliação é que o fim do ciclo de aperto monetário promovido pelo Banco Central pode contribuir para teses mais sensíveis a juros, como varejistas e demais empresas de crescimento.

Ainda assim, analistas de diferentes corretoras defendem que a forte pressão inflacionária deve sustentar o patamar de juros – já alto – por mais tempo, prolongando o período de aperto antes de uma queda nas taxas. Isso explica, em parte, a preferência pelo setor bancário, que lidera as recomendações para o mês de abril, com papéis de bancos como Itaú Unibanco (ITUB4), BTG Pactual (BPAC11) e Bradesco (BBDC4).

Na carteira compilada, destaque ainda para nomes expostos à mudança na matriz energética, com foco em energias renováveis, como WEG (WEGE3) e Vibra Energia (VBBR3). O debate em torno de fontes alternativas foi acelerado em meio à guerra na Ucrânia, que ampliou a crise de energia na Europa, grande dependente do gás e petróleo russos.

Já as blue chips Vale (VALE3) e Petrobras (PETR4) também estão entre as preferidas dos analistas para abril, com 11 e seis menções, respectivamente, em um cenário ainda positivo para as commodities.

PUBLICIDADE

A carteira compilada pela Bloomberg Línea reúne as recomendações de 14 corretoras (Ágora, Ativa, Banco Inter, BB Investimentos, BTG Pactual, Elite, Genial, Guide, Órama, RB Investimentos, Santander Corretora, Toro, Warren e XP Investimentos) e é composta por dez nomes, podendo ter mais caso haja empate nas recomendações. Confira:

Confira as recomendações individuais de cada corretora consultada:

Ágora

  • Cemig (CMIG4)
  • Lojas Renner (LREN3)
  • Itaúsa (ITSA4)
  • WEG (WEGE3)
  • Suzano (SUZB3)
  • Petrobras PN (PETR4)
  • Ambev (ABEV3)
  • JHSF (JHSF3)
  • Vale (VALE3)
  • Iguatemi (IGTI11)

Ativa

  • Bradesco (BBDC4)
  • Vale (VALE3)
  • Petrorio (PRIO3)
  • Suzano (SUZB3)
  • Raia Drogasil (RADL3)
  • Itaú Unibanco (ITUB4)
  • Petz (PETZ3)
  • Totvs (TOTS3)
  • JBS (JBSS3)
  • Grupo Mateus (GMAT3)
  • Vibra Energia (VBBR3)
  • Grupo Soma (SOMA3)
  • Rede D’Or (RDOR3)
  • Natura (NTCO3)
  • Arezzo (ARZZ3)

Banco Inter

  • AES Brasil (AESB3)
  • Banco do Brasil (BBAS3)
  • BB Seguridade (BBSE3)
  • Carrefour (CRFB3)
  • Gerdau (GGBR4)
  • JBS (JBSS3)
  • Movida (MOVI3)
  • Sanepar (SAPR11)
  • Vivara (VIVA3)
  • Vale (VALE3)

BB Investimentos

  • AES Brasil (AESB3)
  • B3 (B3SA3)
  • Bradesco (BBDC4)
  • BTG Pactual (BPAC11)
  • Magazine Luiza (MGLU3)
  • Petrobras PN (PETR4)
  • SLC Agrícola (SLCE3)
  • Suzano (SUZB3)
  • Vale (VALE3)
  • WEG (WEGE3)

BTG Pactual

  • Itaú Unibanco (ITUB4)
  • Vale (VALE3)
  • Banco do Brasil (BBAS3)
  • Raízen (RAIZ4)
  • Localiza (RENT3)
  • Energisa (ENGI11)
  • SLC Agrícola (SLCE3)
  • Arezzo (ARZZ3)
  • Cielo (CIEL3)
  • Multiplan (MULT3)

Elite

  • Alupar (ALUP11)
  • Cosan (CSAN3)
  • Gerdau (GGBR4)
  • JHSF (JHSF3)
  • Movida (MOVI3)
  • Multiplan (MULT3)
  • Marfrig (MRFG3)
  • Sinqia (SQIA3)
  • Suzano (SUZB3)
  • Tim (TIMS3)

Genial

  • Alpargatas (ALPA4)
  • Santander (SANB11)
  • Alupar (ALUP11)
  • Arezzo (ARZZ3)
  • Klabin (KLBN11)
  • B3 (B3SA3)
  • Vale (VALE3)
  • Vivara (VIVA3)
  • Petrorio (PRIO3)
  • Itaú Unibanco (ITUB4)

Guide

  • Alupar (ALUP11)
  • Embraer (EMBR3)
  • Itaú Unibanco (ITUB4)
  • Marfrig (MRFG3)
  • Movida (MOVI3)
  • Petrobras PN (PETR4)
  • Tim (TIMS3)
  • Vale (VALE3)
  • Vibra Energia (VBBR3)
  • Vivara (VIVA3)

Órama

  • Natura (NTCO3)
  • Bradesco (BBDC4)
  • BTG Pactual (BPAC11)
  • Petz (PETZ3)
  • CVC Brasil (CVCB3)
  • Light (LIGT3)
  • Simpar (SIMH3)
  • Grupo Ultra (UGPA3)
  • BRF (BRFS3)
  • Via (VIIA3)

RB Investimentos

  • Petz (PETZ3)
  • Vale (VALE3)
  • Minerva (BEEF3)
  • Embraer (EMBR3)
  • Gerdau (GGBR4)
  • Petrobras PN (PETR4)
  • Iguatemi (IGTA3)
  • Rede D’Or (RDOR3)
  • Totvs (TOTS3)
  • Bradesco (BBDC4)
  • Jalles Machado (JALL3)
  • Itaú Unibanco (ITUB4)
  • EDP Brasil (ENBR3)

Santander Corretora

  • BTG Pactual (BPAC11)
  • CPFL (CPFE3)
  • Itaú Unibanco (ITUB4)
  • JBS (JBSS3)
  • Multiplan (MULT3)
  • Petrobras PN (PETR3)
  • Suzano (SUZB3)
  • Totvs (TOTS3)
  • Vale (VALE3)
  • Vibra Energia (VBBR3)
  • WEG (WEGE3)

Toro Investimentos

  • Petrobras PN (PETR4)
  • Petz (PETZ3)
  • Banco Inter (BIDI11)
  • WEG (WEGE3)
  • Pão de Açúcar (PCAR3)
  • Ambev (ABEV3)
  • Embraer (EMBR3)
  • Romi (ROMI3)

Warren

  • BTG Pactual (BPAC11)
  • Vibra Energia
  • São Martinho (SMTO3)
  • JBS (JBSS3)
  • Klabin (KLBN11)
  • Simpar (SIMH3)
  • Petrorio (PRIO3)
  • Engie (EGIE3)
  • Vale (VALE3)
  • Taesa (TAEE11)

XP Investimentos*

  • Arezzo (ARZZ3)
  • Banco do Brasil (BBAS3)
  • CBA (CBAV3)
  • Hypera (HYPE3)

*Divulgação parcial da carteira, por solicitação da casa.

Leia também:

PUBLICIDADE

XP inicia abril vendo ‘céu de brigadeiro’ e Ibovespa a 130 mil pontos

As maiores altas e baixas da Bolsa no 1º tri e o que esperar neste trimestre

Mariana d'Ávila

Mariana d'Ávila

Redatora na Bloomberg Línea. Jornalista brasileira formada pela Faculdade Cásper Líbero, especializada em investimentos e finanças pessoais e com passagem pela redação do InfoMoney.

PUBLICIDADE