PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Brasil

As 7 melhores cidades para empreender fora do eixo Rio-São Paulo

Rio de Janeiro não ficou sequer no top 10: a capital carioca foi a 15ª colocada do ranking da Endeavor de 2022

São Paulo ainda lidera o ranking, mas as cinco cidades da sequência estão fora do eixo entre a capital paulista e o Rio de Janeiro
22 de Março, 2022 | 03:36 pm
Tempo de leitura: 1 minuto

Bloomberg Línea — “Empreender no Brasil não é fácil” é a frase que grande parte dos empreendedores brasileiros reproduz. Principalmente em tempos de resquícios pandêmicos, inflação sustentada nas máximas e juros crescentes, essa conta fica ainda mais difícil de fechar. No entanto, em um país de dimensão continental, a realidade pode não ser a mesma em todos os lugares.

O ranking de 2022 do Índice de Cidades Empreendedoras da Escola Nacional de Administração Pública (Enap), com apoio da Endeavor, rede de apoio ao empreendedorismo, coloca a cidade de São Paulo (a mais populosa do país) na primeira posição como a melhor para empreender - nada surpreendente considerando o tamanho e a quantidade de empresas da cidade.

PUBLICIDADE

No entanto, é na sequência que ficam as surpresas: os destaques principais incluem cidades que estão fora do eixo Rio de Janeiro/São Paulo, os grandes centros de negócios do país, como Niterói, que ocupou a 11ª, acima da própria vizinha Rio, que ficou em 15º.

Florianópolis (SC), Curitiba (PR) e Vitória (ES) ocupam as primeiras posições após São Paulo, seguidas de Belo Horizonte (MG) e Porto Alegra (RS). Da sétima a nona colocação, mais três outsiders: São José dos Campos (SP), Osasco (SP) e Joinville (SC), com Cuiabá (MT) em 10º.

Dentre as cidades do Nordeste, a primeira a aparecer no ranking é Recife (PE), em 18º. Do Norte, é Manaus (AM), em 31º.

PUBLICIDADE

O ranking foi criado com o objetivo de analisar o ambiente de negócios das 100 cidades mais populosas do Brasil e mostra quais delas apresentam as condições mais propícias para o desenvolvimento do ecossistema empreendedor e por quê.

O índice, que foi lançado em 2014, analisa diversos desafios municipais, de acordo com a divulgação, como o tempo gasto em procedimentos necessários para abertura de novos negócios e a taxa de congestionamento em tribunais.

Veja a seguir o top sete (São Paulo e as cinco fora do eixo) das melhores cidades para empreender no Brasil:

Leia também

PUBLICIDADE

Fintech brasileira adota piso salarial de R$ 7 mil para toda a empresa

Como os influenciadores ganham dinheiro no TikTok?

Kariny Leal

Kariny Leal

Jornalista carioca, formada pela UFRJ, especializada em cobertura econômica e em tempo real, com passagens pela Bloomberg News e Forbes Brasil. Kariny cobre o mercado financeiro e a economia brasileira para a Bloomberg Línea.