Estilo de vida

De Musk a Spielberg, conheça as personalidades com Asperger

Conheça famosos que se destacaram com sua neurodiversidade

Em 2021, Musk confirmou que sofria de Asperger em monólogo no programa Saturday Night Live
Por Bloomberg Línea
26 de Fevereiro, 2022 | 08:01 pm
Tempo de leitura: 2 minutos

Bloomberg Línea — A síndrome de Asperger é um transtorno do desenvolvimento que envolve uma alteração neurobiologicamente determinada no processamento de informações, segundo definido pela Confederação Asperger da Espanha.

Segundo essa organização, as pessoas afetadas têm aparência e inteligência normais e, às vezes, acima da média. Apresentam um estilo cognitivo particular e frequentemente habilidades especiais em áreas restritas.

Em 18 de fevereiro passou a ser uma data de conscientização sobre esta condição e coincide com o nascimento do austríaco Hans Asperger, que em 1944 fez a primeira descrição precisa da síndrome, que hoje leva seu sobrenome.

Embora existam diferentes comportamentos e conotações relacionadas à síndrome, existem muitas personalidades, tanto do mundo dos negócios quanto da política e do entretenimento, bem-sucedidas em suas profissões mesmo com diagnóstico de Asperger.

PUBLICIDADE

Um dos homens mais ricos do mundo, Elon Musk, dono da Tesla e da SpaceX, cuja fortuna ultrapassa os US$ 220 bilhões, confirmou em 2021 que sofria da síndrome durante um monólogo no programa Saturday Night Live, quando afirmou que as coisas que ele diz ou publica são “exatamente como seu cérebro funciona”.

Mas junto de Musk, há mais personalidades do mundo dos negócios e da economia que reconheceram ter essa síndrome e afirmaram que foi essa maneira de ver o mundo que lhes deu sucesso.

Foto: David Swanson/Bloombergdfd

Bill Gross, investidor e cofundador da Pacific Investment Management Co, a PIMCO, também está na lista. De acordo com Gross, que tem um patrimônio líquido de mais de US$ 1,5 bilhão, o Asperger o torna um investidor melhor, de acordo com declarações anteriores à Bloomberg.

Outra pessoa de destaque no mundo dos negócios e invenções é Satoshi Tajiri, criador do universo Pokémon e que já reconheceu no passado que também sofre da síndrome.

PUBLICIDADE
Foto: David Scull/Bloomberg News.dfd

Mas não se trata apenas de negócios, na academia também existem figuras proeminentes que sofrem desta síndrome, como o vencedor do Nobel e “pai da economia experimental”, Vernon L. Smith.

Charles Schwab, cuja empresa de serviços financeiros leva seu nome, e Ingvar Kamprad, fundador da Ikea, garantiram em diferentes entrevistas que, em toda a sua infância e juventude, apresentaram problemas de dislexia – distúrbio de aprendizagem que os especialistas consideram estar entre as múltiplas características da síndrome de Asperger – mas não foi este o diagnóstico final.

Foto: Toolanen/Bloombergdfd

Diferentemente de outros tipos de Transtornos do Espectro Autista, especialistas apontam que quem sofre dessa síndrome pode ter uma capacidade intelectual acima da média geral da população, levando uma vida produtiva, autônoma e bem-sucedida.

Foto: David Paul Morris/Bloombergdfd

Fora do mundo dos negócios, há também outras figuras que afirmaram publicamente ter Asperger e que se destacaram pelo desenvolvimento de suas atividades, como Greta Thunberg, ativista ambiental; Steven Spielberg, o diretor de cinema; atores Keanu Reeves, Dan Aykroyd e Anthony Hopkins; cantora Susan Boyle; e o tenista chileno Marcelo Ríos.

--Este texto foi traduzido por Bianca Carlos, localization specialist da Bloomberg Línea.

Leia também