Internacional

Navio pega fogo no Atlântico e deixa milhares de Porsches à deriva

Quase 4 mil veículos do Grupo Volkswagen estavam a bordo; marcas como Porsche e Lamborghini foram afetadas pelo incidente

Ambas as marcas tiveram prejuízos com o incêndio
Por Madison Muller
18 de Fevereiro, 2022 | 05:12 pm
Tempo de leitura: 2 minutos

Bloomberg — O Felicity Ace, um enorme cargueiro que transportava milhares de veículos do Grupo Volkswagen (VWAGY), pegou fogo perto das ilhas dos Açores, no Oceano Atlântico, na tarde da quarta-feira (16).

Os 22 tripulantes do navio com bandeira do Panamá foram evacuados e levados para um hotel local pela Marinha e Força Aérea de Portugal, mobilizadas para ajudar no esforço de resgate, segundo comunicado da Marinha. O navio foi deixado sem tripulação e à deriva.

Um e-mail interno das operações da Volkswagen nos Estados Unidos revelou que havia 3.965 veículos a bordo do navio. Com sede em Wolfsburg, na Alemanha, o grupo fabrica carros de marcas como VW, Porsche, Audi e Lamborghini – todas a bordo quando o navio pegou fogo.

Mais de 100 desses carros iam para o porto de Houston, no Texas, e os modelos VW GTI, Golf R e ID.4 foram considerados em risco, de acordo com o e-mail. A indústria automobilística já sofre com os problemas de abastecimento, mão de obra e escassez de chips.

PUBLICIDADE

Luke Vandezande, porta-voz da Porsche, disse que a empresa estima que cerca de 1,1 mil de seus veículos estavam a bordo do Felicity Ace no momento do incêndio. Ele contou que os clientes afetados pelo incidente estão sendo contatados pelas concessionárias. “A sensação imediata é de alívio porque os 22 tripulantes do navio mercante Felicity Ace estão seguros”, disse Vandezande.

Um porta-voz da operação da Lamborghini nos EUA se recusou a comentar o número de carros que a empresa tinha a bordo ou quais modelos foram afetados, mas disse que está em contato com a transportadora para obter mais informações sobre o incidente.

Veja mais: Brasil entra na rota dos edifícios com design assinado por Lamborghini, Porsche e Versace

Alguns clientes expressaram sua decepção nas redes sociais. Um usuário do Twitter relatou que seu Porsche Boxter Spyder personalizado estava a bordo do navio. Os modelos padrão do veículo começam em torno de US$ 99.650.

PUBLICIDADE

O Boxster Spyder com motor Deman 4.5 e marcha curta é o melhor carro esportivo de todos os tempos. Eu o tinha personalizado exatamente como eu queria. Não há como seguir em frente.

O Felicity Ace tem aproximadamente o tamanho de três campos de futebol e estava a caminho de um porto em Davisville, estado de Rhode Island, quando um sinal de socorro foi emitido devido a um incêndio em um de seus decks de carga.

A Mitsui OSK Lines, operadora do Felicity Ace, disse que contratou uma empresa de salvamento para avaliar a situação. Uma equipa inicial já está nos Açores e deverá chegar ao navio ainda na sexta-feira (18). “Outros ativos de salvamento estão em preparação para avaliar a embarcação”, disse a empresa em comunicado. “A empresa envidará todos os esforços para conter os danos e resolver a situação prioritariamente”.

A proprietária registrada da embarcação é a Snowscape Car Carriers, e a seguradora de proteção e indenização é a Britannia Steam Ship, segundo dados compilados pela Bloomberg.

Não é a primeira vez que o grupo VW perde veículos no mar. Quando o Grande America pegou fogo e afundou em 2019, mais de 2 mil carros de luxo, incluindo Audis e Porsches, afundaram com ele.

--Com a colaboração de Monica Raymunt e Takashi Amano.

PUBLICIDADE

--Este texto foi traduzido por Bianca Carlos, localization specialist da Bloomberg Línea.

Veja mais em Bloomberg.com

Leia também

PUBLICIDADE