PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Saúde

Bill Gates diz que a pandemia de Covid deve acabar no ano que vem

Fundador da Microsoft acredita que obstáculos para vacinar a população mundial contra a Covid-19 serão distintos no ano que vem

Tempo de leitura: 1 minuto

Bloomberg — Os números de casos e mortes por Covid-19 podem cair abaixo dos níveis da gripe sazonal em meados do ano que vem, desde que novas variantes perigosas não surjam nesse período, segundo Bill Gates.

Levando em conta a imunidade natural, vacinal e novos tratamentos orais, “a taxa de mortalidade e a taxa de doença deveriam cair drasticamente”, disse o bilionário e fundador da Microsoft na quinta-feira, durante o Bloomberg New Economy Forum, em Singapura.

PUBLICIDADE

Os obstáculos para vacinar a população mundial contra a Covid-19 serão distintos no ano que vem, disse Gates, à medida que problemas de oferta são resolvidos e substituídos por questões de como distribuí-los logisticamente.

“As vacinas são uma notícia muito boa, e as restrições de oferta serão em grande parte resolvidas depois de meados do ano que vem, e assim seremos limitados pela logística e pela demanda”, disse Gates em entrevista virtual ao editor-chefe da Bloomberg, John Micklethwait.

Gates diz que não está claro em muitos países qual será o nível de demanda, especialmente em regiões como a África Subsaariana.

PUBLICIDADE

Ele acrescentou que o mundo também deve trabalhar para erradicar a gripe a fim de reduzir as ameaças de futuras pandemias.

O New Economy Forum está sendo organizado pelo Bloomberg Media Group, uma divisão da Bloomberg L.P., controlador da Bloomberg News.

Veja mais bloomberg.com

PUBLICIDADE

Leia também

China inicia liberação de reservas estratégicas de petróleo

PUBLICIDADE