Cripto

Bitcoin abaixo de US$ 60 mil: Devo comprar ou esperar?

Principais tokens despencaram ao menos 10% na última semana; confira os indicadores que podem sugerir próximos movimentos

Bitcoin
Por Joanna Ossinger
17 de Novembro, 2021 | 01:36 pm
Tempo de leitura: 1 minuto

Bloomberg — O Bitcoin caiu ainda mais, chegando a seu nível mais baixo em três semanas em meio a queda mais generalizada entre as criptomoedas, enquanto as preocupações com os impostos dos Estados Unidos e a repressão contínua da China circulam no setor.

A maior criptomoeda caía cerca de 2,5%, chegando a US$ 59 mil às 11h23 em Hong Kong (0h23 no horário de Brasília) na quarta-feira (17), recuando pelo quarto dia consecutivo. O Ether caía 3,4%, chegando a US$ 4.110, chegando ao valor mais baixo desde 28 de outubro. Todos os principais tokens despencaram ao menos 10% na última semana.

Este pequeno recuo cria uma relação risco/recompensa atrativa para comprar na baixa, com a possibilidade de impulso de alta nas próximas semanas”, segundo relatório de estratégia técnica da Fundstrat na terça-feira (16). “As metas de baixa devem se concretizar esta semana”, com suporte para Bitcoin nos níveis de US$ 59.862 ou US$ 57.371, de acordo com o relatório.

O ecossistema de criptomoedas em geral teve bom desempenho neste ano, mas as preocupações sobre as restrições fiscais da lei de infraestrutura dos EUA e a repressão da China ajudaram a ofuscar o que tinha sido um rally sólido nos últimos dois meses.

PUBLICIDADE

Veja mais: Startup está pedindo US$ 31 mi por NFT de vídeo de gol do campeonato português

Veja alguns gráficos que esclarecem o que está acontecendo no mercado de criptomoedas:

Média de 50 dias

O Bitcoin ficou próximo de sua média móvel de 50 dias durante a queda na terça-feira (16), o que ofereceu suporte um pouco abaixo de US$ 60 mil. O indicador técnico será posto à prova novamente hoje (17).

O Bitcoin ficou próximo da média móvel de 50 diasdfd

O hashrate do Bitcoin, que mede seu poder de computação na rede, se recuperou em grande parte desde o tombo do meio do ano, quando a China renovou a repressão à indústria de criptomoedas.

PUBLICIDADE

Veja mais: Alta de preços do Bitcoin e Ether tem pausa com pacote de Biden

Estimativa de terahashes por segundo na rede do Bitcoin nas últimas 24 horasdfd

À beira do abismo

Os números de Fibonacci do Ether (recurso de análise de movimentações do mercado) mostram que a criptomoeda corre o risco de despencar novamente.

O suporte de Fibonacci do Ether está 10% mais baixodfd

Com assistência de Akshay Chinchalkar.

Leia também

Touro de Ouro vira alvo de protesto um dia após inauguração na B3

Por que Goldman vê período difícil com ‘ganância’ acima do ‘medo’ no mercado