promo
Estilo de vida

Ficou barato? Elon Musk reduz preço de mansão na Califórnia

Atualmente, o imóvel que tem quase 1,5 mil metros quadrados custa US$ 32 milhões; redução foi de 15%

Tempo de leitura: 2 minutos

Bloomberg — Elon Musk reduziu o preço de oferta da mansão na Califórnia que ele está vendendo, já que ele cortou laços com o estado.

Musk – cujo patrimônio líquido é de mais de US$ 225 bilhões, de acordo com o Bloomberg Billionaires Index – publicou em seu perfil no Twitter em junho que decidiu vender a última das casas que possui mais de um ano depois de anunciar planos de se livrar da maioria suas posses como forma de atenuar as críticas à sua riqueza.

Decidi vender a última casa que tinha. Ela precisa pertencer a uma família grande que viva nela. É um lugar especial.

A casa, localizada em Hillsborough, Califórnia, tem sete quartos e 10 banheiros em um terreno de 190 mil metros quadrados. Originalmente construído em 1916, inclui uma biblioteca e sala de música, além de uma cozinha totalmente reformada e uma piscina privada.

Veja mais: Elon Musk vai mudar sede da Tesla da Califórnia para o Texas

Musk, de 50 anos, disse em junho que a casa é alugada para eventos e que, se a vendesse, ela “seria menos usada, a não ser que fosse adquirida por uma grande família, o que pode acontecer algum dia”.

O bilionário anunciou na semana passada que a Tesla mudará sua sede para Austin, no Texas, citando como os altos preços das moradias e os longos períodos de deslocamento na Área da Baía de São Francisco estão limitando o crescimento da empresa. Ele não mencionou seu conflito com as autoridades de saúde locais que bloquearam temporariamente seus esforços para reabrir a fábrica da Tesla na cidade de Fremont no ano passado.

Ele se mudou para o Texas no ano passado, enquanto sua empresa SpaceX desenvolvia seu novo veículo Starship e a nova Tesla Gigafactory estava em construção em Austin. O Texas é o terceiro maior mercado da Tesla nos EUA, atrás apenas da Califórnia e da Flórida, apesar de anos de oposição das concessionárias de automóveis a seu modelo de vendas diretas. O estado não cobra imposto de renda pessoal, enquanto a Califórnia impõe a mais alta arrecadação de renda pessoal do país sobre os residentes mais ricos.

Veja mais em Bloomberg.com

Leia também

Petrobras supera R$ 30 com defesa de privatização e venda de ativos

Shell e PetroReconcavo vão fornecer gás natural na Paraíba

A recuperação está descarrilando? Temporada de balanços pode responder