PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Internacional

Senado americano chega a acordo para estender o limite da dívida até dezembro

Acordo anunciado se dá após semanas de manobras políticas partidárias arriscadas sobre como aumentar o teto da dívida

Ações dos EUA ampliaram seus ganhos com a notícia e o índice S&P 500 subiu para o máximo do pregão
Por Laura Litvan
07 de Outubro, 2021 | 02:15 pm
Tempo de leitura: <1 minuto

Bloomberg — Os líderes do Senado dos Estados Unidos chegaram a um consenso sobre um acordo que evitaria a inadimplência nos pagamentos federais até dezembro.

PUBLICIDADE

“Chegamos a um acordo para estender o limite da dívida até o início de dezembro e esperamos assiná-lo hoje”, disse o líder da maioria no Senado, Chuck Schumer, na manhã de quinta-feira (7).

Veja mais: EUA: Líder republicano oferece acordo para elevar teto da dívida

PUBLICIDADE

O acordo anunciado se dá após semanas de manobras políticas partidárias arriscadas sobre como aumentar o teto da dívida. A secretária do Tesouro, Janet Yellen, alertou que a menos que fosse tomada uma medida legislativa, haveria um default a partir de 18 de outubro.

O líder da minoria, Mitch McConnell, propôs o acordo na quarta-feira (6) e os líderes concluíram a negociação dos detalhes na quinta-feira (7).

As ações dos EUA ampliaram seus ganhos com a notícia e o índice S&P 500 subiu para o máximo do pregão.

Veja mais em Bloomberg.com

Leia também:

EUA avaliam pedir renúncia de diretora do FMI após investigação sobre China