promo
Mercados

Ibovespa mantém alta com notícia de remédio contra Covid

Anúncio favoreceu ganhos nas principais bolsas globais

Tempo de leitura: 1 minuto

São Paulo — O Ibovespa sobe na tarde desta sexta-feira (1), primeira sessão do mês, com os ventos positivos do exterior, após a notícia de que um medicamento para o tratamento da Covid-19 teve bons resultados nos testes finais. O dólar também se beneficia do noticiário e opera em queda, mas de olho também na cena fiscal do país.

  • A bolsa avança mais de 1%, retomando o patamar dos 112.000 pontos, que havia sido perdido na véspera. Papéis de empresas aéreas e turismo figuram entre os principais ganhos, com o anúncio da Merck sobre o remédio para Covid.
  • O dólar cai, em linha como noticiário, e as taxas dos juros futuros sobem levemente, com a cena em Brasília no radar.

Pela manhã, a farmacêutica Merck anunciou que seu comprimido antiviral contra Covid-19 reduziu o risco de hospitalização ou morte em 50% em uma análise provisória de um ensaio em estágio final, descoberta que poderia dar aos médicos outra ferramenta potente de combate a vírus. A empresa irá interromper o estudo para buscar uma autorização de uso emergencial da Food and Drug Administration, reguladora de medicamento dos Estados Unidos, o mais rápido possível, disse o CEO da Merck, Rob Davis, em entrevista.

Apesar dos ventos externos positivos, por aqui, o mercado ainda fica na expectativa por definições sobre o cenário fiscal, como a PEC dos precatórios e a reforma do Imposto de Renda. De acordo com a Bloomberg News, o ministro da Economia, Paulo Guedes, não quer nem ouvir falar em prorrogar o auxílio emergencial. A avaliação de sua equipe é que, se o benefício for estendido, o Auxílio Brasil, será deixado de lado.

Mercado agora

  • Câmbio: Perto das 14h30, o dólar operava em queda de 1,46% a R$ 5,36
  • Bolsa: O Ibovespa subia 1,50%, a 112.661 pontos
    • Lideravam as altas percentuais CVC Brasil (CVCB3), Cogna (COGN3) e Azul (AZUL4). As ações da Suzano (SUZB3), Petz (PETZ3) e Sabesp (SBSP3) eram destaques negativos
  • Destaques da bolsa: A plataforma de serviços para investidores TC anunciou a compra da Economatica, empresa de tecnologia para pesquisa e análise de dados. O valor da aquisição foi de R$ 40 milhões.
  • Juros: O DI com vencimento para janeiro próximo subia de 7,185% para 7,194%, enquanto a taxa para janeiro de 2027 ia de 10,63% para 10,65%
  • Exterior: Em Nova York, o Dow Jones subia 1,01%, o S&P 500 0,83%, e o Nasdaq 0,41%
Igor Sodré

Igor Sodré

Jornalista com formação pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo, com experiência na cobertura de cultura e economia, tendo como foco mercado financeiro e companhias. Passou pela Bloomberg News e TradersClub.