PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Agro

Tereza Cristina diz que agropecuária brasileira é solução para desafios de economia sustentável

Ministra da Agricultura diz que governo está desenvolvendo protocolos científicos para principais commodities do Brasil que demonstram baixa emissão de gases do efeito estufa

Tempo de leitura: <1 minuto

São Paulo — A Ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse hoje que o governo brasileiro está desenvolvendo uma série de protocolos científicos de produção que demonstrariam que a atividade agropecuária do país pode ter um baixo nível de emissão de gases do efeito estufa.

“Em parceria com o setor privado, a Embrapa e outros órgãos, estamos desenvolvendo tais protocolos para outras principais commodities agrícolas para demonstrar que a agropecuária brasileira é solução para os desafios de uma economia sustentável e de baixa emissão de carbono.

PUBLICIDADE

A criação de protocolos para mitigar as emissões de carbono para culturas como soja, milho, algodão, entre outras, partiu da experiência obtida com a pecuária de corte. Foi lançada em agosto do ano passado, a primeira linha de produtos com a certificação carne carbono neutro, seguindo os protocolos desenvolvidos pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

O protocolo prevê, entre outras coisas, que os animais sejam criados de forma integrada com florestas plantadas. Assim, as árvores neutralizariam o metano entérico, um dos principais gases do efeito estufa, emitido pelo animais. “A sustentabilidade tem guiado as ações do ministério”, disse Tereza Cristina, durante a abertura do Congresso Brasileiro do Agronegócio.

Alexandre Inacio

Alexandre Inacio

Jornalista brasileiro, com mais de 20 anos de carreira, editor da Bloomberg Línea. Com passagens pela Gazeta Mercantil, Broadcast (Agência Estado) e Valor Econômico, também atuou como chefe de comunicação de multinacionais, órgãos públicos e como consultor de inteligência de mercado de commodities.

PUBLICIDADE