Cinco coisas que você precisa saber para começar esta quarta-feira

Investidores monitoram falas de Roberto Campos Neto e Jerome Powell em busca de pistas sobre o rumo dos juros no Brasil e nos EUA

O presidente do BC Roberto Campos Neto fala em evento nesta manhã
03 de Abril, 2024 | 08:14 AM

Bloomberg Línea — Falas de autoridades monetárias ganham os holofotes nesta quarta-feira (3), com investidores em busca de pistas sobre a trajetória dos juros ao redor do mundo.

Dados fortes da economia dos Estados Unidos têm aumentado a preocupação de que os cortes nas taxas possam ser menores do que o esperado, contribuindo para uma cautela nas bolsas globais nesta manhã.

No Brasil, a produção industrial de fevereiro deve ter apresentado alta de 0,2% na comparação mensal, segundo estimativa mediana em pesquisa da Bloomberg, após queda de 1,6% na medição anterior. Os dados serão divulgados às 9h, no horário de Brasília.

Confira a seguir cinco destaques desta quarta-feira (3):

PUBLICIDADE

1. Powell sob o holofote

O foco desta quarta-feira recai sobre o presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, que na semana passada afirmou que o banco central americano está aguardando mais evidências de que a inflação está sob controle.

Um relatório mensal forte de emprego nos Estados Unidos na sexta-feira (5), somado a uma leitura robusta sobre a produção manufatureira poderia enfraquecer ainda mais as expectativas de flexibilização da política monetária.

O dia contará ainda com falas de outros membros do BC americano, como Michelle Bowman, Michael Barr e Raphael Bostic.

PUBLICIDADE

2. Juros no Brasil

No Brasil, o presidente do Banco Central Roberto Campos Neto também fala nesta quarta.

Além de uma palestra no evento do Bradesco BBI, em São Paulo, pela manhã, ele também participa de uma reunião, por videoconferência, com representantes da Fitch Ratings e da Secretaria do Tesouro Nacional.

Investidores estarão buscando por pistas sobre até onde vai o ciclo de cortes da Selic, depois que o Comitê de Política Monetária (Copom) ajustou o forward guidance e tirou o plural do trecho que fala sobre reduções das taxas em 0,50 ponto percentual em reuniões futuras.

3. Mercados

As ações globais recuam nesta quarta-feira (3) e os rendimentos dos títulos do Tesouro americano ficam perto das máximas de quatro meses, já que dados econômicos sólidos e preços mais altos das commodities reforçaram a visão de que as taxas de juros permanecerão mais altas por mais tempo.

Essas preocupações impedem que as ações globais estendam os fortes ganhos do trimestre anterior. O índice Stoxx 600, da Europa, oscilava por volta das 8h (horário de Brasília), enquanto os futuros dos Estados Unidos apontavam para novas quedas na abertura dos mercados em Wall Street.

Aumentando os temores de inflação, o terremoto mais forte em Taiwan em 25 anos lançou incertezas sobre a produção de chips, já que a maior fabricante de chips do mundo, a Taiwan Semiconductor Manufacturing, evacuou áreas da fábrica. As ações da empresa caíram 1,5%, enquanto as bolsas asiáticas perderam terreno.

4. Manchetes dos principais jornais

Estado de S. Paulo: Vera Rosa: ‘Voto de Toffoli pode virar jogo no debate da descriminalização da maconha’; veja o que ele vai propor

PUBLICIDADE

Folha de S. Paulo: Terremoto mais forte em Taiwan em 25 anos deixa 9 mortos e mais de 800 feridos

O Globo: Aval do STF para repasse de dados do Coaf sem decisão judicial dá fôlego a investigações

Valor Econômico: Mercado de capitais bate nível recorde no crédito a empresas

5. Agenda

Brasil:

  • 9h: Produção Industrial (Fev);
  • 10h: PMI Composto S&P Global (Mar);
  • 10h: PMI de do Setor de Serviços S&P Global (Mar);

Estados Unidos:

  • 9h30: Discurso de Raphael Bostic, membro do Fomc;
  • 10h45: Discurso de Michelle Bowman, Membro do Fomc;
  • 10h45: PMI Composto S&P Global (Mar);
  • 10h45: PMI do Setor de Serviços (Mar);
  • 13h10: Jerome Powell fala sobre panorama da economia no fórum de Standford;
  • 14h10: Discurso de Michael Barr, vice-presidente de Supervisão do Fed.

-- Com informações da Bloomberg News

Mariana d'Ávila

Editora assistente na Bloomberg Línea. Jornalista brasileira formada pela Faculdade Cásper Líbero, especializada em investimentos e finanças pessoais e com passagem pela redação do InfoMoney.