Ásia tem manhã com queda antes de aguardado resultado da Nvidia e ata do Fed

Empresa que tem sido destaque na febre de IA divulga os números trimestrais no fim da tarde desta quarta-feira e pode ser um ‘gatilho’ para novas valorizações

Painel com cotações de ações nos Estados Unidos: quarta terá atenções voltadas ao resultado da Nvidia
Por Bloomberg News
20 de Fevereiro, 2024 | 09:14 PM

Bloomberg — As ações na Ásia estão prontas nesta manhã de quarta-feira (21) para seguir a queda dos índices que são benchmark nos Estados Unidos depois que os traders avaliaram as perspectivas das grandes empresas de tecnologia antes dos esperados resultados da Nvidia.

O contrato futuro de referência da Austrália caiu, enquanto os futuros indicaram declínios no Japão e em Hong Kong. O Nasdaq 100 teve queda de quase 1%, enquanto o S&P 500 caiu abaixo de 5.000 pontos, já que a Nvidia afundou mais de 4% antes dos resultados trimestrais no fim da tarde nesta quarta.

Também à tarde nesta quarta, o Fed divulga a ata de sua última reunião, realizada em janeiro.

Os rendimentos dos títulos do Tesouro de 10 anos pouco mudaram e o dólar oscilou, enquanto o pessimismo persistente em torno das perspectivas da demanda chinesa por aço pressionou o minério de ferro para uma baixa de três meses.

PUBLICIDADE

As ações das big techs arrastaram o mercado de ações para longe de suas máximas históricas, enquanto Wall Street aguarda os resultados da Nvidia para confirmar se a fabricante de chips pode atender às altas expectativas estabelecidas pelo boom da inteligência artificial.

Enquanto a temporada de resultados trimestrais em andamento até agora reafirmou a visão de que a chamada “América corporativa” ainda está saudável, o período de divulgação tem sido misto para as “Sete Magníficas” megacaps.

Antes dos números da fabricante de chips, alguns traders decidiram realizar lucros, depois que o mercado passou a considerar também uma notícia de que a Microsoft está desenvolvendo um cartão de rede como alternativa ao fornecido pela Nvidia.

PUBLICIDADE

As expectativas são altas para a empresa no centro da revolução da IA — que ostenta o melhor desempenho no S&P 500 neste ano após mais que triplicar de valor em 2023. A receita da Nvidia deve ser impulsionada pela demanda crescente em seu negócio de data center.

As receitas com IA devem permanecer fortes, especialmente com a Meta Platforms e a Tesla carregando unidades de processamento gráfico, segundo analistas.

Veja mais em Bloomberg.com

Leia também

Divisão de US$ 20 bi da Sanofi atrai interesse de Advent e Blackstone, dizem fontes