Conheça as brasileiras entre as 50 Mulheres de Impacto da América Latina em 2024

Lista da Bloomberg Línea divulgada na semana do Dia Internacional da Mulher traz personalidades que repercutem em seus respectivos setores de atuação e além desses campos

As Brasileiras na lista das 50 Mulheres de Impacto da América Latina, da Blomberg Línea
07 de Março, 2024 | 05:24 AM

Bloomberg Línea — A Bloomberg Línea divulgou a terceira edição da lista 50 Mulheres de Impacto da América Latina, que visa reconhecer líderes que servem de inspiração e têm transformado os negócios na região.

Do seleto grupo, composto por 50 nomes, 21 são representantes do Brasil, nativas do país ou estrangeiras que se destacaram pela atuação no país em diferentes setores, como tecnologia, mineração, publicidade, finanças, moda, consultoria, indústria, varejo. Há ainda personalidades do entretenimento e do esporte.

Confira a lista completa das 50 Mulheres de Impacto da América Latina em 2024

Duas atletas que fazem parte da lista, inclusive, estarão na Olimpíada de Paris em julho e agosto deste ano representando e competindo pelo Brasil. É o caso de Bia Haddad e Rayssa Leal, ambas apontadas como candidatas a disputar medalhas no tênis e no skate, respectivamente.

Enquanto Haddad é a tenista brasileira mais vitoriosa desde Gustavo Kuerten no início dos anos 2000 e de Maria Esther Bueno nas décadas de 1950 e 1960 entre as mulheres, Leal foi a mais jovem skatista a vencer uma etapa do Circuito Mundial, com 11 anos. Desde então, tornou-se duas vezes campeã do mundo.

PUBLICIDADE

Executivas brasileiras também se destacam à frente de empresas globais. Na tecnologia, é o caso de Lidiane Jones, CEO do Bumble, uma das maiores empresas do mundo em aplicativos de relacionamento, contam com 4 milhões de usuários pagantes e mais de US$ 1 bilhão em receitas no último ano. Anteriormente, ela atuava como CEO do Slack, plataforma de mensagens que está entre as mais populares do mundo.

Nas finanças, Livia Chanes é a CEO no Brasil do Nubank, que conta com cerca de 88 milhões de clientes no país. A executiva começou sua trajetória no Nubank como VP de Produtos, cerca de quatro anos atrás, e assumiu a operação brasileira no segundo semestre de 2022. Sob a sua liderança, o Nu Brasil conquistou 20 milhões de novos clientes e lançou mais de 50 novos produtos e serviços.

No setor de moda e varejo, Patricia Bonaldi está entre as escolhidas por ser uma das empreendedoras da América Latina mais bem-sucedidas no mercado da moda e de alta moda.

PUBLICIDADE

Ela lidera de forma independente há mais de duas décadas o crescimento de suas marcas, como a PatBO, com seu trabalho reconhecido como estilista e à frente do marketing e da gestão. Presente no mercado americano, tem suas criações usadas por celebridades como Beyoncé e Alicia Keys.

O grupo conta ainda com Stella Li, que, embora seja chinesa, atua diretamente na América Latina. Ela é vice-presidente executiva e CEO para as Américas da BYD, empresa que está desbancando a Tesla como líder global do mercado de carros elétricos.

Um dos principais investimentos da companhia está no Brasil, que pode se tornar hub de produção e exportação para a América Latina, com impacto crescente não só sobre a indústria automotiva como no mercado de mobilidade, de publicidade e na cadeia de negócios ligados à sustentabilidade.

Neste ano, 15 das 21 representantes do Brasil não estavam na lista da Bloomberg Línea do ano passado, o que sinaliza não apenas uma renovação da seleção como o amplo número de lideranças femininas na maior economia da América Latina. Confira a lista completa aqui.

Metodologia

As mulheres indicadas foram selecionadas pelo Conselho Editorial da Bloomberg Línea após uma análise qualitativa do trabalho de liderança em diferentes campos de atuação na América Latina. O resultado não representa um ranking mas um reconhecimento desse papel de destaque.

Para a edição de 2024 da lista das 50 Mulheres de Impacto da América Latina, foram observados critérios como liderança, impacto nos negócios e poder de influência. Esta lista complementa outras publicadas pela Bloomberg Línea, como a das 500 Pessoas Mais Influentes da América Latina e a dos 100 Latinos Mais Influentes.

Mariana d'Ávila

Editora assistente na Bloomberg Línea. Jornalista brasileira formada pela Faculdade Cásper Líbero, especializada em investimentos e finanças pessoais e com passagem pela redação do InfoMoney.