Mercados

De Rolex a taxas de frete: 10 produtos e serviços que estão mais baratos

Inflação pode ser a principal preocupação de todos, mas os preços de alguns itens estão, na verdade, caindo

Madeira é um deles, passando por altos e baixos acompanhando o setor de imóveis
Por Joe Weisenthal e Tracy Alloway
29 de Junho, 2022 | 04:57 pm
Tempo de leitura: 3 minutos

Bloomberg — Enquanto o mundo observa se atingimos ou não o pico da inflação, vemos todos os tipos de gráficos por aí.

Algumas categorias estão provavelmente relacionadas a um mercado acionário em queda ou ao efeito de riqueza. Outras áreas estão mais ligadas ao Federal Reserve e a taxas de juros mais altas. Enquanto isso, segmentos relacionados ao transporte e frete poderiam ter mais a ver com o efeito rebote e as consequências do enorme boom no consumo de mercadorias que vimos na onda inicial da pandemia.

Veja algumas categorias de interesse:

Relógios Rolex

De acordo com o site WatchCharts.com, o preço de um Rolex (assim como de outros relógios de luxo) vem caindo de forma constante desde o início de abril.

PUBLICIDADE

Chips de gráficos

Um dos bens de consumo mais difíceis de encontrar nos últimos anos foi os chips de gráficos para gamers, em parte devido à crise geral dos chips, mas também devido à demanda de alguns mineradores de criptomoedas. Seu preço vem caindo desde o ano passado – e continua em queda.

É uma boa notícia para os gamers.

Metais industriais

Cobre, estanho e outros metais industriais estão despencando. Na verdade, este foi seu pior trimestre desde 2008. As preocupações com o crescimento econômico global, principalmente fora da China, têm afetado o setor.

Pelo menos uma área importante dentro do mercado de commodities está em baixa.

PUBLICIDADE

Bored Apes

Se comprar uma imagem de um macaco entediado é como você ostenta sua riqueza neste novo mundo, então o valor dessa ostentação deu uma boa diminuída. Agora você pode comprar um por cerca de US$ 100 mil, ao passo que o preço mais baixo era de cerca de US$ 400 mil há apenas alguns meses, de acordo com o Coingecko.

O preço de um NFT do Bored Ape caiu nas últimas semanas, juntamente com os preços do setor de criptoativos em geral.

Frete rodoviário

Ouvimos falar sobre uma recessão nos fretes, e as tarifas mais baixas para transporte rodoviário foram um presságio da recente fragilidade do varejo e dos bens de consumo. O custo básico da quilometragem do transporte rodoviário vem diminuindo após um incrível boom em meados de 2020.

Seria uma boa notícia para a inflação de produtos?

Taxas de frete

As taxas de frete têm sido uma grande preocupação nos últimos dois anos, pois os custos mais altos de transporte refletem em praticamente tudo o que é importado. Os preços ainda estão muito acima do nível pré-pandemia, mas estão caindo. O custo para enviar um contêiner de 12 metros de Xangai para Los Angeles – uma das rotas de navegação mais movimentadas do mundo – caiu de mais de US$ 12 mil, chegando a menos de US$ 8 mil agora, de acordo com o World Container Index.

Tênis do modelo Yeezy

Até mesmo os preços dos sapatos da marca de Kanye West com a Adidas vêm caindo vagarosamente. O preço de um Yeezy Boost 350 V2 de cor gesso estava em torno de US$ 276 no final de março. Atualmente, está em torno de US$ 239.

PUBLICIDADE

Carros usados

Os preços mais altos de carros usados também ajudaram a elevar a inflação. E embora os preços dos veículos usados continuem altos relação ao pré-pandemia, eles basicamente pararam este mês.

(Algumas) casas

As medidas gerais de preço das casas estão subindo, e ainda parece haver uma expectativa de que não teremos uma queda geral, graças a um estoque apertado. Mas o percentual de vendedores que estão reduzindo seus preços de venda definitivamente aumentou. Segundo a corretora Redfin, o número de anúncios de imóveis que tiveram um corte recente nos preços está aumentando.

Madeira

O boom do mercado imobiliário significou que a madeira foi uma das primeiras coisas a passar por um aperto acentuado no preço após a pandemia. Em certo ponto, foi a mercadoria de melhor desempenho do mundo. Mas, desde então, os preços da madeira tiveram altos e baixos à medida que o setor de construção civil abrandava e as serralherias aumentavam a oferta.

A pergunta agora é se a madeira é um fator de volatilidade de preços para outras commodities.

PUBLICIDADE

--Este texto foi traduzido por Bianca Carlos, localization specialist da Bloomberg Línea.

Veja mais em Bloomberg.com

Leia também

Credit Suisse vê risco de mais inflação e eleva aposta em juros

Alfândega argentina multa Mercado Livre em US$ 15 milhões

PUBLICIDADE