PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Startups

Tiger Global e D1 reduzem participação no unicórnio uruguaio dLocal

Derretimento das ações de tecnologia da Tiger e D1 seguiu em abril e em maio, quando algumas de suas principais ações caíram ainda mais

O IPO da dLocal na Nasdaq em 2021.
18 de Maio, 2022 | 01:13 pm
Tempo de leitura: 1 minuto

Bloomberg Línea — A Tiger Global e a D1 reduziram suas participações no unicórnio uruguaio de pagamentos transfronteiriços dLocal (DLO). A dLocal processa pagamentos, em um modelo semelhante ao da Stripe, avaliada em US$ 95 bilhões.

Tiger e D1 também são investidoras da Kavak, a startup mais valiosa da América Latina hoje. A Kavak tem um modelo de negócios semelhante ao da Carvana, que vende carros usados de forma online nos Estados Unidos e vem enfrentando problemas financeiros.

Os gestores de fundos de hedge conhecidos como Tiger Cubs ganharam bilhões montando algumas das mesmas ações de tecnologia a alturas vertiginosas.

Mas em um piscar de olhos, anos de ganhos evaporaram quando os mercados se voltaram violentamente contra eles no primeiro trimestre. O derretimento seguiu em abril e em maio, quando algumas de suas principais ações caíram ainda mais. O Nasdaq 100, índice da tecnologia, caiu 23% em 2022.

PUBLICIDADE

Os chamados Tiger Cubs - que incluem Tiger Global Management, Lone Pine Capital, Coatue Management, Maverick Capital, Viking Global Investors e D1 Capital - relataram recentemente mudanças em suas participações acionárias no final do primeiro trimestre.

Com ações em má performance afetadas pela situação macroeconômica que foi especialmente cruel para as fintechs, os Tiger Cubs tiveram queda de 12% no retorno com os papéis da dLocal no primeiro trimestre e -38% no segundo trimestre (até o dia 17 de maio), segundo dados da SEC compilados pela Bloomberg News. Isso fez com que a Tiger e a D1 reduzissem sua participação.

Contudo, há quem aproveite o preço mais barato. Foi o caso da Maverick, que manteve ou até aumentou a participação na empresa. A dLocal não respondeu imediatamente a um pedido de comentário da Bloomberg Línea.

-- Com informações da Bloomberg News

PUBLICIDADE

Leia também:

Unicórnios, riscos e oportunidades em meio ao sell-off

Isabela  Fleischmann

Isabela Fleischmann BR

Jornalista brasileira especializada na cobertura de tecnologia, inovação e startups