PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Mercados

Alibaba se recupera após supostas restrições ao cofundador apagarem US$ 26 bi

Confusão envolvendo um indivíduo de sobrenome ‘Ma’ – o mesmo do cofundador da empresa – abalou brevemente as ações

Repressão a empresas de tecnologia que já dura mais de um ano continua assombrando investidores
Por Bloomberg News
03 de Maio, 2022 | 12:12 pm
Tempo de leitura: 2 minutos

Bloomberg — Um breve surto de preocupação com o destino do cofundador do Alibaba Group Holding (BABA), Jack Ma, desencadeou grandes oscilações nas ações da empresa de comércio eletrônico nesta terça-feira (3), ressaltando a contínua ansiedade dos investidores em relação ao setor de tecnologia da China após uma repressão de um ano.

O Alibaba caiu 9,4% em Hong Kong, eliminando cerca de US$ 26 bilhões em valor de mercado, depois que a emissora estatal CCTV informou que as autoridades da cidade sede da empresa, Hangzhou, haviam imposto restrições a um indivíduo de sobrenome Ma.

A ação apagou a maioria dessas perdas depois que um comunicado da polícia de Hangzhou indicou que o nome do acusado era escrito com três caracteres chineses. O nome chinês de Jack Ma é Ma Yun – dois caracteres apenas.

reação dos investidores “mostra o sentimento relativamente fraco no setor de tecnologia”, disse Willer Chen, analista da Forsyth Barr Asia. “Acredito que o mercado é um pouco sensível demais a isso”.

PUBLICIDADE
Movimentação do Alibaba, com destaque para esta terça-feira (3)dfd

O acusado é diretor de pesquisa e desenvolvimento de hardware em uma empresa de TI, informou o jornal estatal Global Times, citando fontes não identificadas. A CCTV disse que a pessoa foi colocada sob as chamadas “medidas compulsórias” em 25 de abril depois de ser acusada de incitar a subversão do poder do Estado e outras atividades que colocaram em risco a segurança nacional.

A notícia da CCTV, posteriormente atualizada para indicar um terceiro caractere no nome do acusado, abalou os investidores já preocupados com a repressão de Pequim em todos os âmbitos da internet, que começou mirando em Jack Ma. Os órgãos reguladores interromperam o IPO de sua empresa Ant Group antes de empreender uma campanha para conter supostos abusos e excessos de empresas de internet cada vez mais poderosas.

As autoridades chinesas da cidade de Hangzhou, onde estão sediados o Alibaba e a Ant, não estavam disponíveis para comentar durante o feriado da Golden Week. Representantes do Alibaba e Ant não responderam imediatamente aos pedidos de comentários.

As ações do Alibaba caíram 0,2%, chegando a 101,90 dólares de Hong Kong às 2h23 de Brasília. Os títulos em dólar da empresa também foram pouco alterados após uma liquidação pela manhã.

PUBLICIDADE

--Com a colaboração de Coco Liu, Lulu Yilun Chen, Jeanny Yu, Charlotte Yang e Alice Huang.

--Este texto foi traduzido por Bianca Carlos, localization specialist da Bloomberg Línea.

Veja mais em Bloomberg.com

Leia também