Pesquisa por telefone mostra menor distância entre Lula e Bolsonaro até agora

Segundo PoderData, distância entre os dois é de apenas cinco pontos percentuais, Lula com 41% das intenções de voto e Bolsonaro, com 36%

Segundo pesquisa feita por telefone por meio de software, distância entre Bolsonaro e Lula chegou a cinco pontos percentuais
29 de Abril, 2022 | 02:32 PM

Bloomberg Línea — Pesquisa da empresa PoderData, do site Poder360, divulgada nesta sexta-feira (29) mostrou que a distância entre o ex-presidente Lula (PT) e o presidente Jair Bolsonaro (PL) segue em seu menor patamar. O petista, favorito, está com 41% das intenções de voto enquanto Bolsonaro tem 36%, diferença de cinco pontos percentuais.

LEIA +
Bolsonaro volta a atacar urna eletrônica e diz que Barroso mente

Duas semanas atrás, Lula tinha 40% das intenções de voto e Bolsonaro, 35%, segundo a PoderData.

Pesquisa XP/Ipespe divulgada na segunda-feira mostrou que a diferença entre o petista e o presidente havia caído cinco pontos e chegado a nove pontos percentuais.

As pesquisas da PoderData têm metodologia distinta de outros institutos: é feita por telefone por meio de um software, sem entrevista pessoal. Os entrevistados respondem apertando botões no teclado do telefone. A pesquisa divulgada nesta segunda ouviu 3 mil pessoas em 283 municípios entre os dias 24 e 26 de abril. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

PUBLICIDADE

O levantamento mostrou ainda Cirgo Gomes (PDT) em terceiro lugar, com 6% das intenções de voto, seguido por João Doria (PSDB), que tem 4%, José Janones (Avante), com 3%, Simone Tebet (MDB), com 1%, e Luciano Bivar (União Brasil), também com 1%.

De acordo com a pesquisa, Lula tem lideranças mais folgadas entre jovens, mulheres e na região Nordeste.

Lula é o preferido de 42% das mulheres e Bolsonaro, de 34%. Entre os homens, os candidatos estão empatados na margem de erro, o petista com 40% das intenções e Bolsonaro, com 39%.

PUBLICIDADE

Entre os jovens de 16 a 24 anos, Lula foi o escolhido de 52% dos entrevistados. Bolsonaro ficou com 33%. Os candidatos empatam em 39% na faixa de 25 a 44 anos.

O presidente apresenta grande vantagem entre os eleitores evangélicos. Nesse segmento, Bolsonaro é o favorito de 52% dos pesquisados. Lula é a opção de 30% dos eleitores, segundo a PoderData

A pesquisa constatou ainda que 38% dos eleitores que votaram em Bolsonaro no segundo turno das eleições de 2018 não pretendem repetir a escolha. E 15% dos que ajudaram a eleger o presidente hoje votam em Lula.

Dos que votaram em Haddad em 2018, 76% disseram que vão votar em Lula em outubro deste ano. Oito por cento votarão em Bolsonaro e 7%, em Ciro.

E 51% dos que votaram em branco ou nulo nas últimas eleições gerais vão repetir o gesto.

O registro da Pesquisa no Tribunal Superior Eleitoral é BR-07167/2022.

Leia também:

PUBLICIDADE

Na Agrishow, Bolsonaro diz que perdão a Daniel Silveira ‘será cumprido’

Lula arrisca perder apoio após fala sobre aborto e classe média

Pedro Canário

Repórter de Política da Bloomberg Línea no Brasil. Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero em 2009, tem ampla experiência com temas ligados a Direito e Justiça. Foi repórter, editor, correspondente em Brasília e chefe de redação do site Consultor Jurídico (ConJur) e repórter de Supremo Tribunal Federal do site O Antagonista.