PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Internacional

Musk está distraído? Investidores da Tesla acham que sim

As ações da Tesla caíram cerca de 5,7% desde que Musk revelou uma participação no Twitter na semana passada

Elon Musk, CEO da Tesla, da SpaceX e agora ofertante pelo Twitter
Por David Welch e Catherine Larkin
14 de Abril, 2022 | 01:12 pm
Tempo de leitura: 2 minutos

Bloomberg — As ações da Tesla (TSLA) caíam no início do pregão nos Estados Unidos, com os investidores absorvendo a perspectiva de uma nova distração para seu presidente-executivo, Elon Musk.

PUBLICIDADE

A oferta de aquisição não solicitada de US$ 43 bilhões de Musk para tornar o Twitter (TWTR) privada é a primeira vez que ele tenta comprar uma empresa totalmente formada desse tamanho. Suas empresas anteriores, que também incluem a SpaceX e a Boring, foram construídas do zero à sua imagem.

A Tesla caiu 1,9% nas negociações de pré-mercado às 8h39, horário de Nova York, na quinta-feira (14). As ações caíram cerca de 5,7% desde que Musk revelou uma participação no Twitter na semana passada, mais que o dobro do declínio no índice S&P 500 mais amplo durante esse período.

PUBLICIDADE

“Como CEO de uma empresa de um trilhão de dólares, Elon Musk deve se concentrar na Tesla e não perder tempo tentando adquirir e gerenciar uma empresa de US$ 43 bilhões”, disse David Trainer, CEO da empresa de pesquisa de investimentos New Constructs, em um e-mail.

A Tesla enfrenta “concorrência significativa”, já que as principais montadoras estão alcançando a inovação em veículos elétricos, disse Trainer. Os acionistas podem estar preocupados com o fato de Musk ser afastado das operações se sua oferta no Twitter for aceita. Musk controla as decisões de produtos na Tesla e planeja iniciar a produção do Cybertruck, Semi e Roadster de próxima geração no próximo ano.

Ao mesmo tempo, Musk tem uma mão forte na SpaceX, que lançou o primeiro voo espacial com astronautas particulares na semana passada. A empresa é uma grande empreiteira da NASA e planeja o lançamento atrasado do Crew-4 para a Estação Espacial Internacional em 23 de abril.

Mesmo que tenha executivos para ajudar a administrar seus diferentes empreendimentos, Musk é tudo menos um bom delegador de tarefas. Ele se descreveu como um “nano-gerente” e lida com quase todas as principais decisões em suas empresas. Quando aTesla estava tendo problemas para fazer a linha de produção do Model 3 funcionar, ele ficou famoso por dormir na fábrica para supervisionar a montagem.

Musk disse na quinta-feira (14) que não tem confiança na atual administração do Twitter, sugerindo que não é provável que ele seja indiferente se conseguir comprar a empresa.

PUBLICIDADE

- Com a colaboração de Katrina Lewis.

– Esta notícia foi traduzida por Marcelle Castro, Localization Specialist da Bloomberg Línea.

Veja mais em bloomberg.com

Leia também