Saúde

OMS: Dose única de vacina protege contra câncer do colo do útero

A Merck (MRK) produz vacina que rendeu à farmacêutica US$ 5,7 bilhões em receita no ano passado

Vacina pode ser divisor de águas no tratamento da doença
Por Andy Hoffmann
11 de Abril, 2022 | 05:35 pm
Tempo de leitura: <1 minuto

Bloomberg — Uma dose da vacina contra o papilomavírus humano (HPV) é suficiente para proteger contra o câncer do colo do útero, disse um grupo consultivo da Organização Mundial da Saúde.

O Grupo Consultivo Estratégico de Peritos em Imunização da OMS, conhecido como SAGE, na sigla em inglês, afirmou que os esquemas de dose única da vacina contra o HPV oferecem eficácia comparável a esquemas de duas ou três doses.

Uma única dose da vacina oferece “proteção sólida contra o HPV – vírus que causa o câncer do colo do útero”, disseram o SAGE e a OMS em comunicado. A eficácia de uma vacina contra o HPV de dose única “pode ser um divisor de águas” para a prevenção da doença, muitas vezes referida como o “assassino silencioso”, disseram.

A Merck (MRK), grupo farmacêutico americano, produz a Gardasil, uma vacina contra o HPV, que trouxe à empresa US$ 5,7 bilhões em receita em 2021.

PUBLICIDADE

--Este texto foi traduzido por Bianca Carlos, localization specialist da Bloomberg Línea.

Veja mais em Bloomberg.com

Leia também: Cogumelos melhoram conexões cerebrais para aliviar depressão

PUBLICIDADE