Viagens

Gol, Azul e Latam reajustam despacho de bagagem com alta de combustível

Empresas aéreas justificam aumento dos preços para transportar malas adicionais citando maiores custos com combustível

Tarifas sofreram reajuste com a disparada do preço do barril do petróleo e consequente aumento do querosene usado nas aeronaves
05 de Abril, 2022 | 04:38 pm
Tempo de leitura: 2 minutos

São Paulo — As três maiores companhias aéreas do Brasil (Azul, Gol e Latam) reajustaram os valores do transporte de bagagem para os voos domésticos e internacionais, citando como justificativa um aumento de custos com a alta do preço do querosene de aviação (QAV), principal insumo do setor.

As novas tarifas cobradas pela Gol (GOL) para uma mala de 23 kg entraram em vigor nesta terça-feira (5), com o menor valor para uma bagagem despachada subindo de R$ 80 para R$ 95, no caso de uma compra feita com pelo menos 48 horas antes da decolagem. A última vez que a companhia aérea tinha reajustado o preço das bagagens foi agosto de 2021.

“A Gol afirma que o reajuste nos valores para o despacho de bagagens se deve ao atual cenário de aumento de custos na aviação comercial, e ainda como forma de adequação aos valores praticados pelo mercado”, informou a Gol em nota à Bloomberg Línea.

Já a Latam (LTMAQ) aplicou o aumento no despacho de bagagens no último dia 14 de março, tanto para bagagens de 15 kg como de 23 kg, com o seu valor mínimo passando para R$ 75. O valor máximo da franquia, de R$ 160, continuará o mesmo, informou a companhia.

PUBLICIDADE

“A Latam esclarece que permanece atenta à vulnerabilidade externa em função da guerra na Ucrânia, que impacta diretamente no preço do petróleo e consequentemente, na alta do preço do querosene da aviação (QAV) e nos custos da empresa. Diante da imprevisibilidade desta crise, a empresa precisou fazer algumas alterações em voos programados para os próximos meses e postergar o lançamento de novas rotas. Esse cenário também impacta em aumento de preços das passagens e serviços adicionais da ordem de 25% a 30%”, informou a assessoria da operação brasileira do grupo chileno.

A Azul (AZUL) informou que, no último dia 7 de março, reajustou o valor apenas da primeira bagagem despachada comprada em canais digitais de R$ 80 para R$ 90. em trechos domésticos. As demais cobranças permanecem inalteradas, segundo a companhia.

O aumento do excesso de pagagem se soma aos reajustes das passagens aéreas. Em março, as tarifas para destinos nacionais tiveram um aumento de até 45% nos preços, segundo levantamento do buscador de viagens Kayak, que analisou preço médio das passagens aéreas entre os 20 destinos nacionais mais buscados na plataforma em comparação ao mês de fevereiro.

Na lista das cidades brasileiras, Florianópolis é a que apresentou maior alta, custando 45% a mais do que no último mês. Outras cidades que tiveram reajuste expressivo são Brasília (+41%), São Paulo (+40%) e Rio de Janeiro (+40%). Entre os destinos internacionais mais buscados na plataforma, houve maior aumento de preço médio para a capital peruana Lima (+20%). Na sequência estão Porto (+17%) e Amsterdã (+17%), Paris (+16%), Londres (+15%) e Lisboa (+14%).

PUBLICIDADE

Gol

Voos domésticos

Até 48 horas antes da decolagem

  • 1ª bagagem despachada (tarifas light e promo): R$ 95 (antes:R$ 80)
  • 2ª bagagem despachada: R$ 129 (antes: R$ 120)
  • 3ª a 5ª bagagem despachada: R$ 180 (sem reajuste)

Menos de 48 horas antes da decolagem

  • 1ª bagagem despachada (tarifas light e promo): R$ 140 (sem reajuste)
  • 2ª bagagem despachada: R$ 160 (sem reajuste)
  • 3ª a 5ª bagagem despachada: R$ 250 (sem reajuste)

Voos internacionais

Até 48 horas antes da decolagem

  • 1ª bagagem despachada (tarifas light e promo): R$ 199 (antes:R$ 100)
  • 2ª bagagem despachada: R$ 249 (antes: R$ 150)
  • 3ª a 5ª bagagem despachada: R$ 350 (sem reajuste)

Menos de 48 horas antes da decolagem

PUBLICIDADE
  • 1ª bagagem despachada (tarifas light e promo): R$ 229 (antes: R$ 180)
  • 2ª bagagem despachada: R$ 279 (antes: R$ 250)
  • 3ª a 5ª bagagem despachada: R$ 650 (sem reajuste)

Azul

Voos nacionais

  • 1ª bagagem despachada (até 23 kg): R$ 90 (antes: R$ 80); se comprada no aeroporto sobe para R$ 140
  • 2ª bagagem despachada (até 23 kg): R$ 120 (antes: R$ 100); se comprada no aeroporto sobe para R$ 160
  • 3ª bagagem despachada (até 23 kg): R$ 180; se comprada no aeroporto sobe para R$ 250
  • Isentos: passageiros com status elite no Tudo Azul ou proprietários de cartão de crédito Azul Itaucard podem despachar até três malas sem custo

América do Sul

  • 1ª bagagem despachada (até 23 kg): US$ 20; US$ 30 se for no aeroporto, com menos de seis horas de antecedência ao horário do voo
  • 2ª a 5ª bagagem despachada: US$ 40; US$ 60 se comprada no aeroporto, com menos de seis horas de antecedência ao horário do voo

EUA

  • 1ª bagagem despachada: US$ 50 ou US$ 100 (no aeroporto)
  • 2ª bagagem despachada: US$ 100 ou US$ 120 (no aeroporto)
  • 3ª bagagem despachada: US$ 120 ou US$ 150 (no aeroporto)
  • 4ª a 5ª bagagem despachada: US$ 120 ou US$ 150; classe business, isenta até 3 bagagens, paga mesmo valor

Europa

PUBLICIDADE
  • 1ª bagagem (até 23 kg): 50 euros; 100 euros (no aeroporto, antes de seis horas)
  • 2ª bagagem (até 23 kg): 100 euros; 120 euros (no aeroporto)
  • 3ª bagagem (até 23 kg): 120 euros; 150 euros (no aeroporto)
  • 4ª a 5ª bagagem (até 23 kg): 120 euros; 150 euros (no aeroporto); ; classe business, isenta até 3 bagagens, paga mesmo valor

Latam

Os valores podem variar dependendo da data do voo (alta ou baixa temporada), antecipação da compra e/ou rota da viagem:

  • Mala de 15 kg (até 48 horas antes do voo): R$ 75 - R$ 95
  • Mala de 15 kg (48 horas antes do voo ou depois):R$ 105 - R$ 115
  • Primeira mala adicional (até 48 horas antes do voo): R$ 95 - R$ 120
  • Primeira mala adicional (48 horas antes do voo ou depois): R$ 120 - R$ 160
  • Segunda mala adicional ou mais (até 48 horas antes do voo): R$ 130 - R$ 140
  • Segunda mala adicional ou mais (48 horas antes do voo ou depois): R$ 185 - R$ 195
  • Excesso de peso (23 - 32 kg): R$ 175
  • Excesso de peso (32- 45 kg) : R$ 350
  • Sobredimensão: R$ 175
  • Bagagem de mão: R$ 160 peça adicional (multa no portão de embarque), peça com excesso de peso ou peça sobredimensionada

América do Sul

  • Excesso de peso (23 - 32 kg): US$ 100
  • Excesso de peso (32 - 45 kg): US$ 200
  • Sobredimensão: US$ 50 - US$ 64
  • Bagagem especial: US$ 50 - US$ 65
  • Bagagem de mão: US$ 60 para peça adicional (multa no portão de embarque), peça com excesso de peso ou peça sobredimensionada

Outros voos internacionais

  • 1ª mala adicional (até 48 horas antes do voo): US$ 30 - US$ 70
  • 1ª mala adicional (48 horas antes do voo ou depois): US$ 80 - US$ 120
  • 2ª mala adicional ou mais (até 48 horas antes do voo): US$ 75 - US$ 100
  • 2ª mala adicional ou mais (48 horas antes do voo ou depois): US$ 150 - US$ 200
  • Excesso de peso (23 - 32 kg): US$ 100
  • Excesso de peso (32 - 45 kg): US$ 200
  • Sobredimensão: US$ 100 - US$ 125
  • Bagagem especial: US$ 100 - US$ 125
  • Bagagem de mão: US$ 60 para peça adicional (multa no portão de embarque), peça com excesso de peso ou peça sobredimensionada

Outros voos internacionais

PUBLICIDADE
  • 1ª mala adicional (até 48 horas antes do voo): US$ 30 - US$ 70
  • 1ª mala adicional (48 horas antes do voo ou depois): US$ 80 - US$ 120
  • 2ª mala adicional ou mais (até 48 horas antes do voo): US$ 75 - US$ 100
  • 2ª mala adicional ou mais (48 horas antes do voo ou depois): US$ 150 - US$ 200
  • Excesso de peso (23 - 32 kg): US$ 100
  • Excesso de peso (32 - 45 kg): US$ 200
  • Sobredimensão: US$ 100 - US$ 125
  • Bagagem especial: US$ 100 - US$ 125
  • Bagagem de mão: US$ 60 para peça adicional (multa no portão de embarque), peça com excesso de peso ou peça sobredimensionada

Leia também

Receita estica prazo da declaração do imposto de renda até 31 de maio

Sérgio Ripardo

Sérgio Ripardo

Jornalista brasileiro com mais de 25 anos de experiência, com passagem por sites de alcance nacional como Folha e R7, cobrindo indicadores econômicos, mercado financeiro e companhias abertas.

PUBLICIDADE