PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Mercados

Abril começa com cautela na Ásia, mas futuros de NY sinalizam ganhos

O pior surto de covid na China desde os primeiros dias da pandemia e um recuo nas ações chinesas listadas nos EUA também estão pesando no sentimento dos investidores

Abril começa com cautela na Ásia, mas futuros de NY sinalizam ganhos
Por Sunil Jagtiani
31 de Março, 2022 | 10:24 pm
Tempo de leitura: 2 minutos

Bloomberg — Os mercados de asiáticos de ações caíram nesta sexta-feira após terminar nos EUA o pior trimestre desde o “bear market” da pandemia, atingidos pelos riscos econômicos decorrentes do aperto da política monetária do Federal Reserve e da guerra da Rússia na Ucrânia.

As ações japonesas lideraram a baixa na Ásia, enquanto os futuros do S&P 500 (SPX) e do Nasdaq 100 (NDX) tiveram ganhos modestos. O pior surto de covid na China desde os primeiros dias da pandemia e um recuo nas ações chinesas listadas nos EUA também estão pesando no sentimento dos investidores.

PUBLICIDADE

O petróleo manteve o movimento de perdas após os EUA liberarem cerca de um milhão de barris por dia das reservas para enfrentar o aumento dos custos de energia. A invasão da Rússia interrompeu os fluxos de commodities, aumentando os preços de tudo, de combustível a alimentos.

Os títulos do Tesouro dos EUA caíram e a curva dos rendimentos entre dois e dez anos permaneceu próxima da inversão, um padrão que sinaliza preocupações com uma desaceleração econômica iminente se o Fed fazer aumentos agressivos nas taxas de juros para conter a inflação.

O iene enfraqueceu em relação ao dólar no primeiro dia do novo ano fiscal do Japão, depois de cair mais de 5% no primeiro trimestre.

PUBLICIDADE

Os investidores começam um novo trimestre se perguntando se os combates na Ucrânia, o isolamento da Rússia e a mudança de postura cada vez mais agressiva do Fed gerarão ainda mais volatilidade e mais perdas para ações e títulos este ano. As matérias-primas são a única classe de ativos-chave a gerar grandes ganhos em 2022.

Perspectivas de crescimento rebaixadas nos EUA, Europa e China são “algo a ser observado com muito cuidado”, disse Anwiti Bahuguna, chefe de estratégia de vários ativos da Columbia Threadneedle Investments, à Bloomberg Television. “Há muito poucos lugares para se esconder hoje em dia no espaço de múltiplos ativos”, embora as commodities sejam um bom local por causa da inflação e da geopolítica, acrescentou.

Dados japoneses mostraram que os maiores fabricantes do país tiveram uma visão mais sombria das condições de negócios pela primeira vez desde o início da recuperação da covid. Nos EUA, o índice de gastos com consumo pessoal - que o Fed usa para sua meta de inflação - aumentou 6,4%, o maior desde 1982.

Na Europa, as negociações entre a Ucrânia e a Rússia devem ser retomadas na sexta-feira. O presidente Vladimir Putin disse que a Rússia pretende continuar fornecendo gás aos clientes europeus, mesmo que exija que eles mudem para o pagamento em rublos.

Até agora, o governo russo manteve-se em dia com suas obrigações de dívida. Na quinta-feira, o JPMorgan Chase & Co. (JPM) processou um pagamento de quase US$ 447 milhões para uma dívida em dólar com vencimento em 2030. Outro prazo importante se aproxima em 4 de abril.

Alguns eventos importantes para assistir esta semana:

PUBLICIDADE
  • EUA: relatório de emprego, sexta-feira;

Alguns dos principais movimentos nos mercados:

Ações

  • Os futuros de S&P 500 (ESA) subiam 0,3% às 10h20 em Tóquio (22h20 em Brasília). Na quinta, o S&P 500 (SPX) caiu 1,6%;
  • Os futuros do Nasdaq 100 (NQA) tinham alta de 0,2%. O Nasdaq 100 (NDX) caiu 1,6%;
  • O índice Topix (TOPIX), de Tóquio, recuava 0,6%;
  • O S&P/ASX 200 da Austrália (AS51) subia 0,1%;
  • O índice Kospi (KOSPI), de Seul, caía 0,8%;
  • Os futuros do índice Hang Seng (HSI), de Hong Kong, subiam 1,2%;

Moedas

  • O iene japonês (JPY) operava a 121,92 por dólar, com baixa de 0,2%;
  • O yuan offshore (CNH) operava a 6,3540 por dólar;
  • O Bloomberg Dollar Spot Index (DXY) operava estável;
  • O euro (EUR) operava a US$ 1,1171;

Renda fixa

  • O rendimento dos títulos do Tesouro de 10 anos subia três pontos base para 2,37%;
  • O rendimento de 10 anos da Austrália estava em 2,85%;

Commodities

  • O petróleo bruto West Texas Intermediate (WTI) era negociado a U$ 100,33 o barril, com alta de 0,1%;
  • O ouro era negociado a US$ 1.935,40 a onça.

Veja mais em Bloomberg.com

Leia também

Últimas BrasilMercadosfuturosUcrânia
PUBLICIDADE