Negócios

Fundo soberano do Kuwait contrata ex-Barclays e Carlyle em Londres

KIO, como é chamado, tem sido ativo no mercado de capitais e vem focando também no mercado imobiliário

Em março de 2022, o fundo soberano do Kuwait detinha 5,2% da BlackRock
Por Nicolas Parasie
09 de Março, 2022 | 01:32 pm
Tempo de leitura: 2 minutos

Bloomberg — A unidade londrina da Kuwait Investment Authority, ou KIA, na sigla em inglês, contratou executivos do Barclays (B1CS34) e do Carlyle (CG) nos últimos meses enquanto o fundo soberano do país do Golfo busca aumentar investimentos no mercado de capitais.

O Kuwait Investment Office, ou KIO, na sigla em inglês, recrutou Arne Hassel como diretor de investimentos em novembro, disseram pessoas familiarizadas com o assunto. Antes, Hassel trabalhou como CIO no Barclays e chefe de estratégias de fundos multimercado para a Europa e Ásia no Goldman Sachs (GS), de acordo com seu perfil no LinkedIn.

Braam Verster, ex-diretor do Carlyle, foi contratado como chefe de estratégia, e Iain Edwards veio da Jupiter Asset Management Limited como novo diretor de tecnologia, disseram as pessoas, que pediram para não ser identificadas porque a informação é privada.

Os funcionários da KIA não foram localizados para comentar o assunto.

PUBLICIDADE

Nos últimos anos, o KIO, como é conhecida a filial de Londres, vem sendo cada vez mais ativo no mercado de capitais com foco em IPOs e oportunidades pré-IPO, disseram as pessoas. O fundo também está cada vez mais ativo no setor imobiliário, apoiando um grande projeto em Boston. O fundo emprega cerca de 100 pessoas e pretende se expandir ainda mais, segundo as pessoas.

O KIO foi um grande investidor no ano passado ao participar da listagem do private equity TPG nos EUA, segundo as fontes. Em 2020, também comprou uma participação adicional na BlackRock (BLK) a partir do PNC Financial Services Group (PNC), segundo reportagem da Bloomberg. O fundo soberano do Kuwait detinha 5,2% da BlackRock no final de março de 2021, de acordo com o último dado disponível em comunicado da BlackRock.

Primeiro do mundo

O fundo – o então Kuwait Investment Board – foi fundado em Londres em 1953, oito anos antes do Kuwait ganhar sua independência, tornando-se o primeiro fundo soberano do mundo. Mais tarde, foi colocado sob a tutela da Kuwait Investment Authority, que hoje administra cerca de mais de US$ 700 bilhões, informou a Bloomberg anteriormente. O KIO administra mais de um terço desses ativos, segundo as fontes.

Ao contrário da controladora KIA, o KIO investe principalmente de forma direta, predominantemente em ações públicas e renda fixa, e também em alternativas como imóveis e private equity. A sucursal de Londres é chefiada por Saleh Al-Ateeqi, que deixou a McKinsey & Co. em 2018.

PUBLICIDADE

Veja mais em Bloomberg.com

Leia também