Internacional

Recuo da covid acelera expansão econômica na Alemanha e França

Fábricas relataram suavização dos gargalos na cadeia de suprimentos que atormentam indústrias no mundo todo

Alemania
Por Alexander Weber
21 de Fevereiro, 2022 | 11:15 am
Tempo de leitura: 1 minuto

Bloomberg — O crescimento econômico nas duas maiores economias da Europa disparou em fevereiro, quando a região ultrapassou o pico da última onda de contágio pelo coronavírus.

Na Alemanha, a produção do setor privado aumentou no ritmo mais rápido em seis meses, puxada por serviços, de acordo com sondagens empresariais divulgadas nesta segunda-feira pela IHS Markit. Na França, a expansão foi a mais forte desde junho de 2021, com serviços e indústria de transformação apresentando melhor desempenho.

“A queda em janeiro se provou como de curta duração”, disse Joe Hayes, economista sênior da IHS Markit. “Agora que a trajetória da covid-19 na França está em desaceleração, isso deve continuar facilitando maiores níveis de atividade em ambos os setores.”

As fábricas na Alemanha relataram suavização dos gargalos na cadeia de suprimentos que atormentam indústrias no mundo todo.

PUBLICIDADE

No entanto, as pressões inflacionárias permaneceram intensas em ambos os países. Na Alemanha, a alta de preços ao produtor foi a segunda maior em registro.

Na França, o número de casos de covid-19 vem diminuindo desde o final de janeiro. Porém a Alemanha acabou de ultrapassar o pico de contágio pela variante ômicron. O país aderiu à flexibilização de restrições de mobilidade na semana passada.

Veja mais em bloomberg.com

Leia também

PUBLICIDADE

Sites da Americanas e Submarino começam a semana fora do ar

Credit Suisse tinha clientes ligados à corrupção, dizem jornais

PUBLICIDADE