PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Cripto

Bitcoin amplia perdas e recua mais 50% do seu recorde em novembro

Valor de mercado de criptomoedas encolheu mais US$ 600 bilhões e mais de US$ 1 trilhão já foi perdido de valor desde a máxima

Bitcoin cai mais 50% e amplia perdas do mercado de criptomoedas
Por André Davis
22 de Janeiro, 2022 | 08:51 am
Tempo de leitura: <1 minuto

Bloomberg — O Bitcoin (BTC), maior criptoativo do mundo, ampliou seu declínio neste sábado. Agora, a moeda perdeu mais de 50% em relação ao recorde de novembro. A queda do Bitcoin desde que atingiu o recorde eliminou mais de US$ 600 bilhões em valor de mercado e mais de US$ 1 trilhão foi perdido no mercado agregado de criptomoedas.

PUBLICIDADE

Embora tenha havido reduções percentuais muito maiores para o Bitcoin e o mercado agregado, isso marca o segundo maior declínio em termos de dólares para ambos, de acordo com o Bespoke Investment Group. Com as intenções do Fed balançando, tanto as criptomoedas quanto as ações, um tema dominante surgiu no espaço dos ativos digitais: as criptos mudaram quase exatamente da mesma maneira que as ações.

O Bitcoin caiu para US$ 34.042 no sábado, uma queda diária de 7,2%.

PUBLICIDADE

Leia mais em Bloomberg.com

Leia também

Tech desaba e Wall Street tem a pior semana desde o início da pandemia