PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Saúde

Chipre identifica ‘deltacron’, variante que combina delta e ômicron

Descoberta tem assinaturas genéticas semelhantes a omicron dentro dos genomas delta

Laboratório faz testes de covid para identificar variantes
Por Georgios Georgiou
08 de Janeiro, 2022 | 02:11 pm
Tempo de leitura: 1 minuto

Bloomberg — Uma cepa de covid-19 que combina delta e ômicron foi encontrada no Chipre, de acordo com Leondios Kostrikis, professor de ciências biológicas da Universidade do Chipre e chefe do Laboratório de Biotecnologia e Virologia Molecular.

“Existem atualmente coinfecções por ômicron e delta e descobrimos esta cepa que é uma combinação das duas”, disse Kostrikis em uma entrevista à Sigma TV na sexta-feira. A descoberta foi chamada de “deltacron” devido à identificação de assinaturas genéticas semelhantes a omicron dentro dos genomas delta, disse ele.

Kostrikis e sua equipe identificaram 25 desses casos e a análise estatística mostra que a frequência relativa da infecção combinada é maior entre os pacientes hospitalizados devido à covid-19 em comparação com os pacientes não hospitalizados.

Veja também: Vacinas contra Covid podem atrasar menstruação, segundo estudo

PUBLICIDADE

As sequências dos 25 casos de “deltacron” foram enviadas para o GISAID, o banco de dados internacional que rastreia as alterações no vírus, em 7 de janeiro.

“Veremos no futuro se essa cepa é mais patológica ou contagiosa ou se prevalecerá” sobre o delta e o omicron, disse ele. Mas sua opinião pessoal é que essa linhagem também será substituída pela variante ômicron altamente contagiosa.

- Com a ajuda de Sotiris Nikas.

Veja mais em bloomberg.com

Leia também