PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Saúde

Reino Unido analisa dispensar teste de Covid para recém-chegados

Lobby das companhias aéreas influenciou revisão das normas de entrada para turistas; quarentena ainda será obrigatória

Reino Unido considera flexibilizar teste obrigatório para turistas que chegam ao país após variante afetar voos no fim de ano
Por Siddharth Philip
05 de Janeiro, 2022 | 10:21 am
Tempo de leitura: 1 minuto

Bloomberg — O Reino Unido está considerando dispensar a obrigatoriedade de um teste de Covid-19 para viajantes vacinados que entram no país, segundo uma pessoa familiarizada com o assunto, depois que as companhias aéreas duramente atingidas pela variante ômicron pressionaram para que as regras fossem flexibilizadas.

O governo provavelmente manterá a obrigatoriedade da quarentena para vacinados até que estes façam um teste dentro de dois dias após entrar no país, disse a fonte, que pediu para não ser identificada antes de uma decisão ser tomada. O gabinete deve analisar as regras de viagem nesta quarta-feira (5).

A decisão traria algum alívio para as companhias aéreas depois que a disseminação da variante ômicron reprimiu as viagens aéreas durante o feriado de fim de ano. Os governos endureceram as regras de fronteira em resposta à nova variante, embora haja evidências crescentes de que ela produz sintomas mais leves do que as ondas anteriores de Covid.

O Reino Unido, um dos primeiros lugares a identificar a presença da nova variante, está sofrendo restrições de outros países. O país endureceu as próprias exigências de entrada no final de novembro.

PUBLICIDADE

Veja mais em Bloomberg.com

Leia também

Cadê o meu bloco? Vírus volta a frustrar o Carnaval

Presidente da França diz que quer ‘irritar’ os não vacinados do país