Desempenho acumulado no ano foi de mais de 10,5%
Tempo de leitura: 3 minutos

Bloomberg Opinion — O contrato implícito que os hedge funds oferecem a seus investidores pode ser resumido da seguinte forma: nós cobraremos mais do que deveríamos para administrar seu dinheiro, mas quanto mais voláteis estão os mercados, maiores serão os retornos que geraremos para você. Se isso ainda for verdade - e os últimos anos dificultaram as promessas de geração de alfa positivo da extremidade mais cara do espectro de gestão de fundos - os hedge funds devem ser capazes de fechar o ano com ganhos espetaculares.

As preocupações sobre se a variante ômicron agravará a pandemia, a incoerência do banco central sobre como a inflação pode ser duradoura e o aperto nos mercados globais de energia aumentaram a volatilidade em vários mercados. Isso deve criar o ambiente perfeito para os operadores de hedge funds provarem seu valor.

PUBLICIDADE

Os mercados de títulos suportaram o impacto do aumento nas oscilações de preços. Com os preços anuais ao consumidor subindo 6,2% nos Estados Unidos e um recorde de 4,9% na zona do euro, o espaço de renda fixa tornou-se muito menos plácido nos últimos meses, como mostra o índice MOVE de volatilidade do mercado de títulos do Bank of America.

Os mercados de câmbio também estão aquecidos, à medida que os investidores avaliam as prováveis respostas dos bancos centrais aos recentes picos de inflação. O Federal Reserve, o Banco Central Europeu e o Banco da Inglaterra têm se esforçado para fornecer guidance inteligíveis sobre suas intenções de política - ou mesmo sinalizar a provável direção da trajetória do crescimento e da inflação. Os mercados de câmbio foram afetados por mensagens muitas vezes contraditórias, levando a volatilidade ao seu nível mais alto desde março.

PUBLICIDADE

Nas ações ordinárias, interrupções na cadeia de suprimentos combinadas com a perspectiva de mais paralisações para combater a pandemia aumentaram os índices de oscilação de preços tanto nos EUA quanto na Europa.

Uma disputa pelo fornecimento de energia turvou os mercados de petróleo. Com os EUA decidindo explorar suas reservas estratégicas, desencadeando uma briga com a Organização dos Países Exportadores de Petróleo, a volatilidade dos preços do petróleo atingiu seu nível mais alto desde maio de 2020.

PUBLICIDADE

O aumento de 60% neste ano no preço das ações do Man Group Plc, o maior hedge fund de capital aberto do mundo, é um testemunho da recuperação do sentimento dos investidores em relação aos gestores de ativos mais ousados. Em média, os retornos da indústria foram de cerca de 1,7% em outubro, impulsionando o desempenho acumulado no ano para mais de 10,5%. Isso colocou os hedge funds no caminho certo para seu melhor ano desde que a Bloomberg começou a coletar dados em 2013.

As oscilações do mercado em novembro devem ter dado aos traders espaço de manobra suficiente para superar seu desempenho coletivo de outubro e - no momento em que descobrirmos - pelo menos fechar a lacuna com os 20% que os investidores poderiam ter ganho até agora este ano com um rastreador de índice S&P 500 barato . Os hedge funds ainda têm um longo caminho a percorrer antes que se possa realmente dizer que recuperaram seu ar de superioridade.

PUBLICIDADE

Mark Gilbert é colunista da Bloomberg Opinion e escreve sobre gestão de ativos. Já foi chefe do escritório de Londres da Bloomberg News. Ele também é autor de “Complicit: How Greed and Collusion Made the Credit Crisis Unstoppable.”

Os editoriais são escritos pela diretoria editorial da Bloomberg Opinion

Esta coluna não reflete necessariamente a opinião do conselho editorial ou da Bloomberg LP e de seus proprietários.

Veja mais em bloomberg.com

Leia também

Pessoas e ideias que definiram negócios globais em 2021, segundo a Bloomberg

S&P 500 tem pior ‘sell-off’ de dois dias desde outubro de 2020