PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Startups

Unicórnio brasileiro QuintoAndar demite cerca de 160 funcionários

Antes das demissões, a proptech passou a cobertura integral do plano de saúde dos seus funcionários para um modelo de coparticipação

Unicórnio brasileiro demite cerca de 160 funcionários
13 de Abril, 2022 | 07:19 pm
Tempo de leitura: 1 minuto

São Paulo — O unicórnio brasileiro QuintoAndar demitiu cerca de 160 funcionários (correspondente a 4%) de seu quadro de 4 mil colaboradores nesta semana. Segundo a empresa, os desligamentos fazem parte de uma reestruturação de áreas e iniciativas para continuar crescendo. Na prática, algumas posições e investimentos em produtos deixaram de existir.

Antes das demissões dessa semana, o QuintoAndar passou a cobertura integral do plano de saúde dos seus funcionários para um modelo de coparticipação. Mesmo assim, a empresa disse que a movimentação não vem como uma resposta à crise, mas sim para ajustar a operação e manter o foco.

PUBLICIDADE

Segundo o QuintoAndar, o plano de expansão da empresa continua a despeito das demissões. Por meio de nota, a empresa disse que frequentemente faz ajustes internos buscando mais eficiência operacional. “Neste processo, repriorizamos algumas nossas iniciativas internas e alguns times e funções deixaram de existir, gerando uma redução de 4% das nossas equipes.”

O QuintoAndar tem três unidades de negócio: produtos de aluguel, compra e venda e uma área de parcerias imobiliárias com as corretoras.

Uma fonte ouvida pela Bloomberg Línea disse que as decisões têm a ver com declínio de 20% de imóveis financiados em fevereiro, segundo dados da Abecip. Mesmo assim, o QuintoAndar disse que a compra e venda de imóveis da proptech cresceu 30% no primeiro trimestre de 2021 se comparado ao último trimestre do ano passado. Já os negócios com aluguel cresceram 23% na mesma comparação.

PUBLICIDADE

Investimentos em marketing, como o Big Brother Brasil, não teriam relação com as demissões, segundo a empresa.

“Continuamos batendo recordes históricos tanto em aluguel como em vendas”, disse o QuintoAndar. Avaliada em mais de US$ 5 bilhões, o QuintoAndar é uma empresa de alto crescimento que ainda não é rentável e aposta no crescimento futuro. Segundo o QuintoAndar, a reorganização tem a ver com a escolha por priorizar áreas de crescimento ao invés de gastar energia em outras áreas.

A proptech espera expandir para mais 16 cidades no Brasil neste ano e disse que ainda tem dinheiro em caixa das últimas rodadas.

Isabela  Fleischmann

Isabela Fleischmann BR

Jornalista brasileira especializada na cobertura de tecnologia, inovação e startups