Internacional

Presidente do BCE testa positivo para covid antes de reunião

Conselho do banco se reúne na próxima semana, mas as operações não serão afetadas

Banco avalia resposta à inflação
Por Alexander Weber e Carolynn Look
07 de Abril, 2022 | 10:08 am
Tempo de leitura: 1 minuto

Bloomberg — A presidente do Banco Central Europeu, Christine Lagarde, testou positivo para covid-19 poucos dias antes da próxima decisão das autoridades e afirmou que o diagnóstico não afetará as operações de sua instituição.

Hoje pela manhã testei positivo para covid-19. Recebi todas as doses e reforços da vacina, e meus sintomas são, felizmente, razoavelmente leves. Trabalharei remotamente de minha casa em Frankfurt até que esteja totalmente recuperada. As operações do BCE não serão afetadas.

O Conselho do BCE se reunirá em 13 e 14 de abril para definir a política monetária para a zona do euro. Um porta-voz do banco central disse que a entrevista coletiva a pós a areunião acontecerá conforme o planejado, com o formato a ser decidido nos próximos dias.

Em dezembro, o vice-presidente do BCE, Luis de Guindos, também contraiu o vírus dias antes de uma reunião de política e participou remotamente da coletiva de imprensa final na época. Andrea Enria, chefe do ramo de supervisão do banco central, teve covid em janeiro.

PUBLICIDADE

As autoridades do BCE estão avaliando como responder à inflação recorde no bloco enquanto a guerra na Ucrânia assombra as perspectivas econômicas. Alguns sustentaram a possibilidade de aumentar as taxas de juros este ano, embora também tenham enfatizado a necessidade de manter as opções em aberto e agir com base nos dados recebidos.

--Este texto foi traduzido por Bianca Carlos, localization specialist da Bloomberg Línea.

Veja mais em Bloomberg.com

Leia também

PUBLICIDADE