Internacional

Imprensa relata tiroteio em aeroporto de Cancún, mas administração nega

Operações do aeroporto ficaram suspensa por alguns minutos nesta segunda-feira (28)

Segurança de passageiros nunca esteve em risco, segundo administração
Por Bloomberg Línea
28 de Março, 2022 | 05:00 pm
Tempo de leitura: 1 minuto

Bloomberg Línea — O Grupo Aeroportuario del Sureste (Asur), operador do Aeroporto Internacional de Cancún, no México, disse que não há sinais de detonações de armas ou explosões em nenhuma área do aeroporto, depois de a imprensa ter relatado um tiroteio no interior do terminal.

O Centro de Operações de Emergência foi ativado às 11h23, horário de Brasília, após o relato de um incidente, no qual foram ouvidas várias versões do que estava acontecendo, disse a Asur em nota compartilhada com a Bloomberg Línea.

“As forças de segurança estão realizando as investigações pertinentes para determinar a causa do alerta entre passageiros e usuários”, segundo o operador do aeroporto.

As operações do terminal 3 do aeroporto de Cancun foram brevemente suspensas, sendo retomadas minutos depois.

PUBLICIDADE

A Asur enfatizou que a segurança dos passageiros nunca esteve em risco. A empresa oferecerá mais informações sobre o ocorrido.

Meios de comunicação como o Grupo Formula relataram um tiroteio dentro do Terminal 3 do Aeroporto Internacional de Cancun.

Em um vídeo, várias pessoas são vistas saindo correndo de um terminal com suas malas. Outro vídeo mostra três membros da Guarda Nacional correndo com armas dentro do aeroporto em direção a algumas escadas rolantes.

--Este texto foi traduzido por Bianca Carlos, localization specialist da Bloomberg Línea.

Leia também: Argentina vive pesadelo para importar gás e corre o risco de racionamento

PUBLICIDADE